26.4 C
Guanambi
23.1 C
Vitória da Conquista

Motociclista vítima de acidente não resistiu e morreu no Hospital Geral de Guanambi

Mais Lidas

O motociclista João Batista Ferreira do Vale, de 46 anos, conhecido pelo apelido de Dão Cocão do pastel, não resistiu aos ferimentos e morreu na noite deste sábado (30), no Hospital Geral de Guanambi (HGG).

Ele se envolveu em um acidente no início da tarde na Avenida Messias Pereira Donato (antiga Castelo Branco), no bairro Aeroporto Velho. De acordo  com informações da Superintendência Municipal de Trânsito (SMTran), o fato teria ocorrido após a condutora de um veículo VW Golf realizar uma conversão à esquerda na avenida.

Dão que trafegava no sentido contrário acabou colidiu frontalmente com sua motociclista, uma Honda CB Twister, sendo arremessado ao chão com o impacto da batida. Ele sofreu trauma na região pélvica e Traumatismo Cranioencefálico (TCE).

Dão tinha 46 anos – Reprodução

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) prestou os primeiros socorros e resgatou a vítima ao HGG. Na unidade de saúde, Dão chegou a ser submetido a cirurgias, mas não resistiu e morreu no decorrer da noite.

Esta foi a 11ª morte causada por acidente de trânsito no município de Guanambi no ano de 2023. A última foi do cantor Mounir Caldas, que faleceu na última ter;ca-feira (26) depois de quatro dias internado por conta de um acidente envolvendo duas motocicletas ocorrido no dia 22.

O falecimento de Dão também causou comoção na cidade. Logo após a confirmação da morte, muitos amigos e conhecidos manifestaram pesar e prestaram homenagens nas redes socais.

O Recreio Tênis Clube, entidade social na qual ele era sócio e frequentador ativo, emitiu uma nota de pesar e cancelou os shows musicais que seriam realizados neste domingo (1º) em respeito ao luto dos familiares.

As informações sobre o velório e sepultamento ainda não foram divulgadas.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas