25.5 C
Guanambi
22.1 C
Vitória da Conquista

Pix bate recorde e supera 160 milhões de transações em um dia

Mais Lidas

O Banco Central (BC) divulgou nesta segunda-feira (9) que o Sistema de transferências instantâneas, o Pix, bateu novo recorde de transações na última sexta-feira (6). De acordo com os dados do BC, pela primeira vez a modalidade superou a marca de 160 milhões de transações em 24 horas.

Conforme informações da Agência Brasil somente no último dia 6, foram feitas 163 milhões de transferências via Pix para usuários finais. A alta demanda não comprometeu o funcionamento do sistema. Segundo o BC, os sistemas funcionaram com estabilidade ao longo de todo o dia.

O recorde anterior tinha sido registrado em 6 de setembro, com 152,7 milhões de transações num único dia.

O Pix acumulava, no fim de agosto, 153,36 milhões de usuários, conforme as estatísticas mensais mais recentes. Desse total, 140,65 milhões eram de pessoas físicas; e 12,71 milhões de pessoas jurídicas.

Em agosto, o sistema superou a marca de R$ 1,53 trilhão movimentados por mês.

Criação do Pix

Criado em novembro de 2020 pelo BC, o Pix tem como objetivo facilitar os pagamentos, além de garantir a segurança em transações, reduzindo o uso de dinheiro físico. O foco sempre foi contribuir para o fortalecimento de um ecossistema de pagamentos mais competitivo, inclusivo e eficiente.

Como o processo é muito simples, pois não é necessário ter os dados bancários do recebedor, basta apenas usar uma chave Pix, que nada mais é do que o apelido da conta, logo se tornou o meio de pagamento mais utilizado no país.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas