20.9 C
Guanambi
15.3 C
Vitória da Conquista

Verão na Bahia deve atrair mais de 6,5 milhões de turistas

Mais Lidas

A temporada de verão 2023/2024 foi aberta na última sexta-feira (22), com estimativas animadoras para quem desempenha atividades turísticas na Bahia. Segundo a Secretaria de Turismo do Estado (Setur-BA), 6,5 milhões de visitantes deverão circular pelo território baiano na alta estação, injetando R$ 9,8 bilhões na economia.

No verão passado, foram 6,2 milhões de turistas e R$ 9 bilhões de receita. A previsão de crescimento no fluxo se deve ao aumento contínuo nos índices do setor no estado, desde 2021, com números acima da média nacional, e às informações das companhias aéreas e agências de viagens sobre a grande demanda de procura por destinos baianos.

“A Bahia se preparou para superar os números do verão passado, com ações estruturantes, capacitação profissional, qualificação de serviços, promoção das 13 zonas turísticas e captação de novos voos. Esse pacote de iniciativas credenciou o estado a registrar um alta temporada recorde em movimentação turística”, pontua o titular da Setur-BA, Maurício Bacelar.

Os destinos baianos mais procurados estão localizados no litoral: Salvador (Baía de Todos-os-Santos), Praia do Forte (Costa dos Coqueiros), Morro de São Paulo (Costa do Dendê), Itacaré e Ilhéus (Costa do Cacau) e Porto Seguro (Costa do Descobrimento). Aparecem ainda na relação Lençóis e Mucugê (Chapada Diamantina).

Os brasileiros representam 89,5% dos turistas que escolhem a Bahia, tendo São Paulo e Rio de Janeiro como os maiores polos emissores; os estrangeiros são 10,5%, com liderança de argentinos, seguidos de espanhóis, franceses e italianos.

Para quem pretende chegar à Bahia de avião, o estado tem conectividade aérea com todas as regiões do Brasil e com a América do Sul (Argentina, Chile e Uruguai) e Europa (Portugal e Espanha). Do continente europeu também partem voos fretados da Polônia. Para atender à grande demanda durante a alta temporada, empresas de aviação já abriram dezenas de voos extras para os aeroportos de Salvador, Porto Seguro e Ilhéus.

Veja também:

Atividades turísticas cresceram 7,3% em 2022 na Bahia

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas