27.1 C
Guanambi
22.5 C
Vitória da Conquista

Prefeito de Riacho de Santana comemora aprovação e preferência do eleitorado em pesquisa

Mais Lidas

O prefeito de Riacho de Santana, o médico João Vitor (PSD), comemorou os resultados da recente pesquisa eleitoral que aponta aprovação de sua gestão, além de sua liderança na corrida para a reeleição no município.

O levantamento foi realizado pela Séculus Análise e Pesquisa, sob encomenda do Bahia Notícias. A divulgação ocorreu nesta segunda-feira, 10 de junho, com registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

As entrevistas foram realizadas entre os dias 29 e 30 de maio, ouvindo 428 eleitores. A margem de erro de 4,70%, com um intervalo de confiança de 95%.

Segundo João Vitor, os resultados refletem uma gestão aprovada pela maioria da população e fortalece sua posição na disputa pela reeleição, deixando-o confiante e agradecido pelo apoio popular, destacando o compromisso de continuar trabalhando pelo desenvolvimento de Riacho de Santana.

Eleito como vice-prefeito nas últimas eleições, João Vitor assumiu o cargo de prefeito no início de abril deste ano, após a renúncia do então prefeito Tito Eugênio. Apesar do pouco tempo no cargo, o político já conseguiu imprimir seu ritmo de trabalho frente à administração municipal.

Aprovação Popular

De acordo com a pesquisa, 75,23% dos entrevistados consideraram sua gestão como “ótima”, “boa” ou “regular”, enquanto 10,75% a avaliaram como “ruim” e 9,11% como “péssima”.

Intenções de Voto

Na pesquisa espontânea, onde os eleitores não recebem uma lista de candidatos, João Vitor lidera com 30,61% das intenções de voto. Ele é seguido pelo ex-vice-prefeito Alan Vieira, com 25,23%. Tito Eugênio, o ex-prefeito, aparece com 0,70%, assim como Roni. João Paulo tem 0,23%, enquanto 9,58% dos eleitores afirmaram que não votariam em nenhum candidato e 32,94% não souberam responder.

Em um cenário estimulado com chapas formadas, João Vitor e Tito Eugênio aparecem na liderança com 47,20% das intenções de voto, seguidos pela chapa de Alan Vieira e Dr. Paulo Gondim, com 40,19%. Roni e Dona Vera têm 3,50% dos votos, 6,78% dos entrevistados não votariam em nenhum dos candidatos e 2,34% não opinaram.

Quando a disputa é entre chapas, João Vitor e Tito Eugênio continuam liderando com 48,13% das intenções de voto contra 42,52% de Alan Vieira e Dr. Paulo Gondim. Outros 5,37% dos eleitores não votariam em nenhum dos candidatos e 3,97% não souberam ou não opinaram.

Favoritismo

Além das intenções de voto, a pesquisa perguntou aos eleitores qual chapa eles acreditam que ganhará a eleição, independentemente de suas próprias intenções de voto. Nesse quesito, João Vitor e Tito Eugênio aparecem com 46,73% de favoritismo, seguidos por Alan Vieira e Dr. Paulo Gondim com 34,58% e Roni e Dona Vera com 1,87%. Cerca de 16,82% dos eleitores não souberam ou não opinaram.

O levantamento realizado pela Séculus Análise e Pesquisa está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BA-07965/2024.

(Veja o levantamento completo)

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas