27.6 C
Guanambi
20.1 C
Vitória da Conquista

Inmet divulgou Boletim Agroclimatológico para os meses de junho, julho e agosto

Mais Lidas

Nesta quinta-feira, 13 de junho, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) divulgou o Boletim Agroclimatológico de junho de 2024, apresentando uma análise detalhada das condições climáticas observadas em maio de 2024 e um prognóstico para os meses de junho, julho e agosto de 2024.

O documento é elaborado mensalmente pelo órgão desde 1967 e tem como objetivo levar  aos usuários uma informação meteorológica direcionada às atividades do campo.

Veja também: Chuvas fortes devem voltar a atingir sul do país

Prognóstico Climático para Junho, Julho e Agosto de 2024

Região Nordeste

Precipitação: A previsão por conjunto indica chuvas próximas ou acima da média climatológica em grande parte da região, principalmente em junho e julho. Eventos de chuvas volumosas são esperados no norte e leste do Nordeste, devido ao aquecimento do Atlântico Tropical e distúrbios ondulatórios de leste. No interior do Nordeste e extremo sul da Bahia, as chuvas devem ser próximas ou ligeiramente abaixo da média.

Temperatura: A temperatura do ar deverá estar acima da média histórica em toda a região, com destaque para o interior, onde a redução das chuvas em junho poderá elevar ainda mais as temperaturas.

Umidade do Solo: Os níveis de água no solo deverão ser elevados no norte do Maranhão e do Ceará, além da costa leste do Nordeste, favorecendo a semeadura e o desenvolvimento do feijão e do milho terceira safra. No entanto, no interior da região, a previsão indica baixos níveis de umidade, beneficiando a maturação do algodão e do milho segunda safra.

previsao agroclimatológica junho - julho - agosto
Previsão de anomalias de (a) precipitação e (b) temperatura média do ar
do multi-modelo INPE/INMET/FUNCEME para o trimestre JJA/2024.

Outras Regiões

Região Norte: Chuvas acima da média são esperadas na maior parte da região, exceto no sul do Pará e Tocantins, onde as chuvas ficarão próximas ou ligeiramente abaixo da média. As temperaturas serão mais altas do que a média histórica.

Região Centro-Oeste: Tendência de chuvas próximas ou ligeiramente abaixo da média, com temperaturas acima da média climatológica.

Região Sudeste: Previsão de chuvas próximas ou abaixo da média no centro-norte de Minas Gerais e Espírito Santo, e ligeiramente acima da média em São Paulo e Rio de Janeiro.

Região Sul: Chuvas acima da média são esperadas na maior parte da região, exceto no oeste do Rio Grande do Sul. As temperaturas estarão acima da média histórica, com possibilidade de geadas nas áreas serranas.

Análise Climática de Maio de 2024

Precipitação Em maio de 2024, o Brasil apresentou padrões de precipitação variados. Os extremos norte e sul do país, bem como a costa leste do Nordeste, registraram acumulados de chuva acima de 150 mm, o que manteve a umidade do solo elevada nessas áreas. Em contraste, a maior parte das regiões Centro-Oeste e Sudeste, além do interior do Nordeste, tiveram volumes de chuva inferiores a 70 mm, reduzindo os níveis de água no solo.

Temperaturas As temperaturas máximas médias em maio superaram os 32°C na Região Norte, interior do Nordeste e parte norte da Região Centro-Oeste. Na costa leste do Nordeste, sul da Região Centro-Oeste e grande parte da Região Sudeste, as temperaturas variaram entre 28 e 32°C. As mínimas foram mais baixas no sul do Centro-Oeste e nas regiões Sul e Sudeste, com temperaturas abaixo de 18ºC em muitas áreas.

Condições Oceânicas

O boletim destaca a influência das condições oceânicas, como o El Niño e o Dipolo do Atlântico, nas variações climáticas observadas e previstas. Durante maio de 2024, as temperaturas do Atlântico Tropical Norte estavam acima da média, o que pode reduzir a quantidade de chuvas no norte do Nordeste a partir de julho.

Para mais informações detalhadas e atualizações, o boletim completo está disponível no portal do Inmet.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas