21.9 C
Guanambi
13.8 C
Vitória da Conquista

Concurso do TRF da 1ª Região oferta salários de até R$ 16 mil

Mais Lidas

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) tornou público, nesta sexta-feira, 14 de junho a abertura de um novo concurso público.

O certame será organizado e realizado pelo Poder Judiciário, por meio do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, no uso de suas atribuições legais.

São ofertadas vagas em todos os estados do país para funções de Analista Judiciário e Técnico Judiciário, sendo 17 delas imediatas e o restante para cadastro de reserva. Do total de vagas, 20% são destinadas a candidatos negros, 5% para pessoas com deficiência e no mínimo 10 voltadas para candidatos indígenas.

O maior salário informado no edital é para Analista Judiciário (especialidade: Inspetor da Polícia Judicial), com uma remuneração básica de R$ 16.035,69. Já o menor presente gira em torno dos cargos voltados para Técnico Judiciário, com uma remuneração de R$ 8.529,65.

Inscrições

As inscrições ficarão abertas no período de 19 de junho a 22 de julho. Interessados podem realizá-la de forma on-line, por meio da plataforma da FGV Conhecimento.

A taxa de inscrição é de R$ 120,00 para aqueles que disputarem o cargo de Analista Judiciário e R$ 90,00 para aqueles que disputarem Técnico Judiciário. Haverá isenção desta taxa para candidatos que forem inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e/ou forem doadores comprovados de medula óssea.

O período para pedido de isenção estará disponível entre os dias 19 e 21 de junho.

Seleção

A seleção contará com duas provas, uma objetiva e outra discursiva. Caso o candidato seja aprovado nas duas, o mesmo se submeterá a um teste de aptidão física.

A prova objetiva contará com 80 questões de múltipla escolha, que contemplam temas como Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Matemático, Noções de Sustentabilidade, Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, além dos conhecimentos específicos de cada cargo.

Já a prova discursiva cobrará dos candidatos uma redação no modelo dissertativo-argumentativo, de no mínimo quinze linhas.

Mais detalhes como datas e disponibilidade das vagas podem ser encontrados no edital do concurso público.

O prazo de validade do certame será de dois anos, a contar da data de publicação da homologação de seu resultado, podendo ser prorrogado por igual período, de acordo com critérios do TRF1.

Veja mais notícias sobre concursos, processos seletivos, estágio e qualificação no nosso Guia de Oportunidades.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas