Divulgação/Polícia Militar
Anúncio

A Polícia Militar de Meio Ambiente de Minas Gerais prendeu dois homens, de 59 e 72 anos, nesta quarta-feira (17) em Espinosa, no Norte de Minas. Eles estavam com 86 pássaros silvestres em Espinosa e foram descobertos após uma denúncia que informou os endereços onde seria possível encontrar as aves mantidas em cativeiro. As aves foram localizadas no Bairro São Cristóvão e na comunidade de Bonito.

Na casa do autor de 72 anos foram encontradas 65 aves e como o outro envolvido foram apreendidas 21. Entre as aves apreendidas estão pássaros da espécie trinca ferro, papa-capim, sabiá, e canário. Elas foram encontradas em gaiolas e viveiros.

A polícia suspeita que as aves seriam encaminhadas para o estado de São Paulo. Os autores negam que tenham envolvimento com o tráfico de aves silvestres. Uma médica veterinária examinou os pássaros e identificou que eles estão aptos a se reproduzirem na natureza; eles serão soltos em uma mata da região.

Com informações do G1

Anúncio

Deixe uma resposta