Reprodução
Anúncio

O suspeito de matar e colocar fogo no carro e no corpo do delegado de Barra da Estiva Marco Torres morreu depois de um confronto com policiais militares. Joelson França Oliveira chegou a ser socorrido pelos policiais e levado ao Hospital de Jaguaquara mas não resistiu aos ferimentos causados pelos tiros.

As informações preliminares dão conta de que, o suspeito, na companhia de outros indivíduos, a bordo de um veículo Renault tomaram de assalto nesta tarde uma caminhonete Ranger de cor branca, com placa policial OZS-1726, de propriedade de um empresário do ramo supermercadista em Jequié. O bando teria rendido o dono do Supermercado Laço de Ouro, com armas em punho, e obrigou-lhe a entregar-lhes a caminhonete. Ele é suspeito de ter participado do assassinato do delegado de Barra da Estiva.

Os criminosos fugiram em direção a BR-116, momento em que a polícia foi acionada em toda a região, com policiais montando campana nas proximidades da praça de pedágio da ViaBahia, no trecho de Nova Itarana, onde houve confronto e Joelson foi alvejado depois de abandonar o veículo roubado.

Os comparsas conseguiram evadir, e até o fechamento desta matéria não teriam sido capturados. A polícia ainda faz buscas na região. O corpo de Joelson França, de Feira de Santana, e que possuía mandado de prisão em aberto pela Justiça foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Jequié/BA.

Com informações do Blog Marcos Frahm

Anúncio

Deixe uma resposta