Reprodução/Carlos Nogueira/A Tribuna de Santos
Anúncio

A paralisação de caminhoneiros no porto de Santos foi encerrada na noite de ontem (31), confirmou hoje (1º) o governo de São Paulo. O fim da greve foi decidido em assembleia, após reunião com o governador de São Paulo, Márcio França.

No encontro, o governador recebeu representantes de três associações, que congregam 1,6 mil caminhoneiros autônomos. Eles reivindicavam o fim do pedágio do eixo suspenso, que já está vigorando desde ontem no estado.

As perdas das concessionárias não precisarão ser repostas. Em substituição, o governo irá prorrogar a validade dos contratos de concessão.

Fonte: Elaine Patricia Cruz – Repórter da Agência Brasil

Anúncio

Deixe uma resposta