Tiago Marques | Redação 96FM

Aconteceu na noite desta quinta-feira (27), uma palestra com o meteorologista Paulo Etchichury, da Somar Meteorologia e do Canal Rural. O auditório da Câmara dos Vereadores ficou lotado de empreendedores rurais e estudantes  para a palestra que apresentou as previsões climáticas para a região de Guanambi para o próximo período chuvoso.

As previsões são de chuva acima da média para a temporada chuvosa 2015/2016, porém, assim como ocorreu em na temporada passada, a irregularidade deve ser presente na previsão e o período de chuvas será mais curto. Paulo Etchichury explicou que as chuvas que caem na região são provenientes da ação das frentes frias que vêm do Sul e trazem a umidade da Amazônia para o Nordeste e Sudeste, além das zonas de convergência vindas do Atlântico que também causas instabilidades.

Em 2015, o avanço das frentes frias ficou prejudicado pelos bloqueios atmosféricos que fizeram com que parte da umidade da Amazônia fosse para oeste. O fenômeno causou estiagem do final de dezembro até fevereiro na região, fato que prejudicou o desenvolvimento das lavouras. O fenômeno também foi responsável pela crise hídrica no sudeste e deve continuar acontecendo.

Com relação aos problemas enfrentados na região Sudeste em relação ao abastecimento de água, o meteorologista, diz que o termo crise não é o adequado, pois se refere a algo passageiro e essa situação de poucas chuvas deve ser demorada, pois faz parte de um ciclo que dura aproximadamente 30 anos, esse ciclo começou em 2005. Ele diz que os governos e a sociedade devem se preparar, buscar soluções tecnológicas para enfrentar essa nova realidade climática.

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e seja um assinante - Saiba como!

 

Previsão para Guanambi

Falando em chuvas para Guanambi, a análise da ultima temporada mostra que o acumulado foi de aproximadamente 1000 mm. Nos seis meses com registro de chuva, foram apenas 6 períodos chuvosos, para essa temporada, as previsões volumétricas podem passar essa média, porém o período chuvoso deve cessar mais cedo, provavelmente em Março.

No geral, setembro será seco, em outubro a frente fria ganha força e alguma chuva ocasional poderá ocorrer, mas será em novembro e dezembro que devem ter chuvas constantes. Para o especialista, o grande problema do planejamento de lavouras na Região é que os episódios de chuva são alternados. Entre o final de Dezembro e o início de Fevereiro as chuvas serão intercaladas, pode chover por uma semana e ficar de 10 a 20 dias sem chover, o que prejudica o desenvolvimentos das culturas. No final de Fevereiro e em Março  a constância aumenta ao mesmo tempo que se encerra a temporada.

El Ninõ

O fenômeno El Ninõ este ano deve ser um dos mais fortes já registrados. O aquecimento das águas do oceano causará muitas chuvas no Sul do país e deve segurar o avanço da frente fria. Por isso as chuvas devem demorar mais a chegar. O El Ninõ também prejudica a formação da zona de convergência o que deve ocasionar o fim do período chuvoso antes de Abril.

Chuva em Guanambi, seca no Vale do Iuiu

Embora tenha chovido acima da média em Guanambi, no Vale do Iuiu foi um dos piores anos agrícolas dos últimos 40 anos devido a falta de chuvas. Para Etchichury, embora sejam regiões próximas, Guanambi se beneficiou das Zonas de Convergências que vieram do Atlântico, e o Vale do Iuiu ficou prejudicado devido aos bloqueios atmosféricos que impediram a chegada da umidade da Amazônia.

A previsão para a Região é muito parecida, Etchichury explica que é normal chuvas isoladas dentro até mesmo do município. Segundo os dados apresentados, na Região de Morrinhos a precipitação foi de 1200 mm, enquanto que na Sede foi de pouco menos de 1000 mm

Ouça a entrevista concedida à Assessoria de Comunicação da Prefeitura

[soundcloud url=”https://api.soundcloud.com/tracks/221242654″ params=”auto_play=false&hide_related=false&show_comments=true&show_user=true&show_reposts=false&visual=true” width=”100%” height=’450′ iframe=”true” /]

pickerimage

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui