32.2 C
Guanambi
26.2 C
Vitória da Conquista

Embraer exibiu primeiro protótipo do avião comercial E195-E2

9,096FãsCurtir
15,413SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
823InscritosInscrever
Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Advertisement

Redação 96FM

A construtora aeronáutica brasileira Embraer apresentou nesta terça-feira, dia 7 de março, na unidade fabril de São José dos Campos, no Estado de São Paulo, a maior aeronave da segunda geração da família de E-Jets, que a empresa considera ser o mais eficiente avião comercial do mundo para rotas domésticas: o E195-E2. Foi o segundo ‘roll-out’ do dia, depois da apresentação do novo Boeing 737 MAX 9 em Renton, nos EUA.

Espera-se que, nos próximos meses, seja feito o voo inaugural. Provavelmente no mês de julho, para que então, seja inaugurado um período de testes com o fim certificar o novo aparelho. É esperando ainda que, no primeiro semestre de 2019 a nova aeronave já entre em serviço.

Três protótipos do E190-E2, primeira aeronave da nova gama de jatos comercias da Embraer, já se encontram em testes. Estes que começarão a serem entregues em 2018 às companhias aéreas.

  “O E195-E2 tem potencial de mudar significativamente o perfil de frota das companhias aéreas em todo o mundo. Tendo custo por viagem 20% menor e custo por assento similar ao de aviões maiores, o E195-E2 torna-se o avião ideal tanto para crescimento de empresas regionais como complementação de frota de empresas de baixo custo e de linhas principais”, disse John Slattery, presidente executivo da Embraer Aviação Comercial.

- Advertisement -

A nova aeronave tem três fileiras a mais de assentos quando comparado ao E195 da atual geração, podendo ser configurado com 120 lugares em duas classes de serviço, ou até 146 em classe única. A aeronave também tem aumento significativo de alcance, de mais de 800 quilómetros (450 milhas náuticas), o que possibilitará viagens de até 4.500 quilómetros (2.450 milhas náuticas) de distância.

 “Introduzimos na comprovada plataforma de E-Jets todas as novas tecnologias que agregam valor aos clientes. Um exemplo é a quarta geração de fly-by-wire que permitiu a redução de 20% da área da empenagem, minimizando o arrasto e o peso, ” explica Luís Carlos Affonso, vice-presidente de Operações da Embraer Aviação Comercial. “O avião terá uma economia de até 24% de consumo e 20% nos custos de manutenção por assento quando comparado ao atual E195. Parte dessa economia será atingida pela nova tecnologia de motores, mas o grande diferencial competitivo do E195-E2 está na otimização da estrutura e dos seus vários sistemas. ”

A Embraer vai utilizar dois aviões na campanha de certificação do E195-E2. O primeiro protótipo será utilizado nos ensaios de aerodinâmica e desempenho, enquanto o segundo avião, que também deve realizar o voo inaugural até o fim deste ano, será empregado na validação de tarefas de manutenção e de interior.

O programa E2 foi lançado em junho de 2013 e reforça o compromisso da Embraer em investir continuamente na linha de jatos comerciais e manter a liderança de mercado no segmento de 70 a 130 assentos.

Brasil Embraer exibiu primeiro protótipo do avião comercial E195-E2

Deixe uma resposta

Relacionadas