Com Messi ‘chorando sangue’, terroristas ameaçam a Copa da Rússia

- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -

Um grupo terrorista que apoia as investidas do Estado Islâmico divulgou dois cartazes nesta terça-feira (24) para fazer promessas de atentados a Copa do Mundo de 2018, que será sediada da Rússia. O jogador Lionel Messi é usado em uma das imagens. O atacante da seleção argentina aparece na estampa trajando um uniforme de prisioneiro, atrás das grades e com sangue escorrendo do seu olho esquerdo. Em um outro cartaz, o grupo usou a imagem do estádio russo Luzhniki, em Moscou, colocou um homem com roupa camuflada ao lado de bombas e ainda destacou o seguinte texto: “Aos inimigos de Alá na Rússia, o fogo dos mujahideen (soldados da guerra) os queimarão. Apenas esperem”. De acordo com informações, o governo russo é aliado da Síria nos esforços de erradicar o Estado Islâmico, promovendo ataques ao grupo terrorista no país.

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -