Reprodução

O episódio ocorreu neste sábado (10) em uma rodovia do Estado de Kentuchy, no leste dos Estados Unidos, segundo o canal americano WDRB TV. A motorista se chamava Connie Allen, de 52 anos, do Tennessee. Ela foi presa por alta velocidade e explicou à polícia que era a Virgem Maria a caminho para buscar o menino Jesus. Por causa disso, ela teria autorização de Deus.

Um primeiro policial tentou barrá-la, mas não teve sucesso e acabou por emitir uma multa. Mais à frente, outro agente a abordou, dessa vez, com uma arma. No entanto, a mulher não aceitou se render e apenas parou quando a janela de seu carro foi quebrada por um bastão do policial.  Além de alegar ter autorização de Deus e se intitular a Virgem Maria, a mulher garantiu que estava morta há cinco anos.

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui