Reprodução/RJTV

Uma explosão em um laboratório da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) deixou três pessoas feridas, entre elas, uma aluna grávida. O episódio aconteceu na manhã desta quarta-feira (15). A assessoria da UFRJ informou que as três vítimas foram encaminhadas para o Hospital Universitário.

O acidente foi na sala de polimento de amostras do Laboratório de Práticas de Metalografia, no segundo andar do prédio de Metalurgia do Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia – Coppe/UFRJ, localizado no Bloco F da Ilha do Fundão. O andar foi interditado.

Em nota, a Reitoria da UFRJ informou que a explosão ocorreu durante um experimento e as causas do acidente serão investigadas pela instituição.

Segundo o G1, a polícia também realizou uma perícia no local. Umas das perguntas que os agentes pretendem responder é se os funcionários e a aluna estavam usando equipamentos de segurança no momento do acidente.

A vítima mais grave é a aluna identificada como Isabela Rocha que está grávida e teve 20% do corpo queimado, segundo bombeiros. Erickson Almendra, diretor administrativo da Coppe disse que “Ela sofreu corte no rosto, no pescoço e nas mãos, cortes acompanhados com queimadura de ácido. Ela foi atendida, foi estabilizada, não houve perda de sangue”, explica.

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e seja um assinante - Saiba como!

 

A Coppe é o maior centro de ensino e pesquisa em engenharia da América Latina.

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui