33.9 C
Guanambi
27.3 C
Vitória da Conquista

Imagens de satélite de Brumadinho mostram dimensão da tragédia

- -

Últimas Notícias

Tiago Marques
Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Foram divulgadas as primeira imagens de satélite de Brumadinho após a barragem da empresa Vale se romper na última sexta-feira(25). Cerca de 12 milhões de metros cúbicos de rejeitos de mineração vazaram durante o rompimento, causando uma impactante imagem de destruição.

A imagem do satélite Pleiades foi gerada na manhã desto último domingo (27), ortoretificada, mosaicada, e disponibilizada pela Engesat em alta resolução após ser processada pela Airbus. No momento da imagem haviam muitas nuvens, mesmo assim, é possível ver a dimensão da tragédia.

Os as imagens de satélite tem ajudado a defesa civil e os bombeiros nas buscas por desaparecidos na tragédia.

Veja Também: O que se sabe sobre a barragem de rejeitos que a Bamin quer construir entre Caetité e Pindaí
Pleiades

Imagens de Satélite de Brumadinho em alta resolução

Poucas horas após o desastre de Brumadinho apareceram as primeiras imagens de satélites do local, que davam a real dimensão da abrangência da catástrofe ambiental. Muitas empresas e instituições rapidamente voltaram suas atenções para a região e se mobilizaram para gerar dados, a fim de registrar os impactos do rompimento da barragem do Feijão. Comunidades de mapeamento colaborativo e de drones também se mobilizaram para apoiar na resposta ao desastre, mostrando a força do setor.

As imagens foram disponibilizadas para download em um arquivo de 1,1 Gb, e estão disponibilizadas no site da Engesat.

Veja mais imagens em de satélite de brumadinho

O mapa abaixo utilizou o satélite de alta resolução RapidEye, que foi capaz de imagear o desastre na manhã do dia 27 de janeiro. Os limites da área atingida por esta imagem têm por objetivo orientar as equipes de resgate aos locais onde havia edificações. Também foram fornecidas as coordenadas de cada uma dessas edificações para as equipes de resgate:

Via Mundo Geo

Buscas

O trabalho de buscas entrou no quinto dia. Até a noite de ontem já haviam sido encontrados 65 corpos e 279 continuavam desaparecidos. Equipes de socorro local receberam apoio de uma equipe do exército de Israel que trouxeram equipamentos de alta tecnologia ajudar a encontrar corpos.

Tiago Marques | Agência Sertão

Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- -

Mais Lidas