bolsonaro-demite-ministro-da-educacao
O ministro da Educação, Ricardo Vélez, participa de audiência pública na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados.

A jornalista Eliane Cantanhêde, da Globonews, anunciou a pouco, que o presidente Jair Bolsonaro decidiu pela demissão do Ministro da Educação Velez Rodrigues.

Há 85 dias no cargo, Velez não conseguiu se quer montar uma equipe de trabalho e colocou o MEC em uma crise interna. Três indicados para secretarias executivas da pasta foram demitidos, além do presidente do Inep. Velez disse que o ex-gestor do órgão “puxou o tapete”.

Colabore

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e ganhe recompensas exclusivas, saiba mais!

Em nota, a Casa Civil disse que o ministro não foi demitido. Em seguida, Bolsonaro usou o Twitter para negar a demissão e atacar a imprensa.

Em audiência realizada na comissão de Educação da Câmara dos Deputados, parlamentares apertaram o agora Velez por resultados do Ministério.

Atualizada para atualizar informações

Deixe uma resposta