Reprodução

A Bahia registrou 117 desistências de profissionais inscritos no Programa Mais Médicos, de acordo com dados do Ministério da Saúde. Em todo o Brasil, foram 1.052 renúncias.

O número é o segundo maior do país. O estado de São Paulo ficou no primeiro lugar do ranking nacional, com 181 vagas abertas depois da desistência dos profissionais. O terceiro foi Minas Gerais, com 104.

As cidades baianas com maior número de desistências foram Cândido Sales (4) e Brumado (3).

Colabore

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e seja um assinante - Saiba como!

 

As vagas abertas com as desistências poderão ser ofertadas em novas fases do provimento de profissionais, o que ainda está em análise pelo Ministério da Saúde. Informações do Metro 1.

Deixe uma resposta