Desde bem antes do Centenário de Guanambi, a ser comemorado na próxima quarta-feira (14), compositores apaixonados pela cidade entoam homenagens e demonstração de orgulho à sua terra e às raízes em seus versos.

A música é uma das mais fortes formas de expressão artística, existindo em quase a totalidade das civilizações, com registros históricos de mais de 50 mil anos. Em forma de hino, descrevem locais e são transformadas em símbolos oficiais de identidade e patriotismo.

Guanambi oficializou seu hino em 1987. O compositor José Aparecido Azevedo, o Cidinho, venceu um concurso promovido pela prefeitura. Após aprovação da Câmara, sua letra e melodia foram o como símbolo oficial do município. Já nos anos 2000, seu filho Zeu Azevedo compôs “Beija-flor da Bahia”, uma mistura de forró e reggae que se tornou uma das canções mais executadas em comemorações e eventos locais.

A cantora e compositora Lete Diedriches compôs em 2011 “Guanambi”. A letra faz referências ao passado e ao presente do município. No aniversário de 96 anos, em 2015, a Rádio 96FM também homenageou Guanambi com uma música, de composição de Léo Dourado. A música “Homenagem aos 96 anos de Guanambi” fala sobre o orgulho de viver na cidade. Em 2017, o cantor e compositor Georg Ramos lançou sua composição em homenagem à cidade. “Guanambi” fala do desenvolvimento e do povo acolhedor da cidade.

O compositor Gildasio Fernandes já lançou cinco músicas em homenagem à cidade. As modas sertanejas ressaltam as belezas da cidade. Gildasio voltou a homenagear Guanambi com a moda de viola “Centenário de Guanambi”. Na canção interpretada por Robson Mello, o artista descreve fatos e personalidades marcantes dos 100 anos da cidade.

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e seja um assinante - Saiba como!

 

Em abril, o cantor e compositor Rodrigo Lamore saiu na frente e compôs a primeira homenagem ao Centenário de Guanambi. Atualmente no Rio de Janeiro, onde desenvolve sua carreira no mundo musical, o artista fala em sua canção sobre a saudade e o desejo de um dia voltar à sua terra.

O cantor e compositor Gil Martins aproveitou o período junino e lançou o “Forró do Centenário”. Mazinho Vieira também compôs um forró, “Centenário” foi lançado no final de julho nas redes sociais com a participação do cantor Leo Lucca.

Já os compositores Marcus Vinícius e Faustino Abrantes fizeram um bolero para as celebrações de Centenário. A música se chama “A Minha Querida Guanambi”.

Na semana que antecede o Centenário de Guanambi, o cantor e compositor Matheus Boa Sorte lançou o clipe de sua nova música. “Guanambi” também faz referência à data marcante para o município.

Confira as Músicas que já são sucesso e as novas homenagens a Guanambi


Hino a Guanambi

Composição: José Aparecido Azevedo
Intérprete: Coral Ramos

Letra

Raiou a alvorada
O Sol brilhante surgiu
Doirando vales e serras
E as terras desses baixios
Das pedras brotaram flores
No meio dos chapadões
Erguem-se em primores
Edificadas as gerações

Cruzou mil horizontes
Teu nome em guarani
Teus filhos batalham fortes
Salve, Salve ! Oh Guanambi

És berço de um povo forte
Gigante e varonil
Valente e decidido
Que luta sem ser hostil
Teus filhos têm muitos credos
Que elevam num só labor
São elos de uma corrente
Unindo forças de paz e amor

Cruzou mil horizontes
Teu nome em guarani
Teus filhos batalham fortes
Salve, Salve ! Oh Guanambi’

As lutas que aqui travaram
Deixaram de saldo a glória
Trabalho e muito afinco
Forjaram tua própria história
Do solo quente e fértil
Jorraram riquezas mil
Teus ricos capulhos brancos
Geram divisas para o Brasil.


Beija-flor da Bahia (2009)

Composição e Interpretação: Zeu Azevedo

Quem nasce em Guanambi
É beija-flor da Bahia
E cheira flor todo dia
Calor do sol irradia
Tanto amor e alegria (Bis)

Voa beija-flor e vai levar essa canção que eu fiz pra ela
Diga meu amor que eu sinto tanta falta do cheirinho dela
A tua cor, tua magia, de manhãzinha quando eu abro a janela
E no final do dia com o sol da tarde você fica bem mais bela
E toda vez que eu chego aqui só de te ver me faz sorrir
E todo filho que partir vai te levar por onde ir
Faz tanto tempo que eu saí pra trabalhar noutro país
Mas conto os dias para voltar pois só você me faz feliz.


Guanambi (2011)

Composição e Interpretação: Lete Diedriches

Letra

Quem não me conhece, já ouviu falar
Quem vem não me esquece, de saudade quer voltar
Vem pra ficar, vem pra morar

Sou do Sertão, dos capulhos de algodão
Sou cenário de artista, sou cultivo do feijão
Gorutuba é patrimônio, viva a festa de São João
Guanambi, terra querida, tem respeito à tradição
Santo Antônio padroeiro, dá a sua bênção

Beija, beija, beija-flor
Porque se não beijasse, não seria beija-flor
Guanambi pássaro livre desse Sertão produtor


Cidade de Guanambi 

Composição: Gildasio Fernandes
Intérprete: Elcivan Mesquita

Guanambi Cidade Linda

Composição: Gildasio Fernandes
Intérprete: Robson Mello


Homenagem aos 96 anos de Guanambi (2015)

Composição: Leo Dourado
Intérprete: Meyre Santos

 

A sorte tem que em acredita nela,
A minha veio quando te conheci,
Inspiração, nos enche de orgulho… 96 anos de Guanambi

Lugar de sonhos e transformações,
Terra adorada por quem vive aqui,
A sua historia feita de algodão… 96 anos de Guanambi

Educação, lazer, cultura e arte,
Todas as tribos se encontram aqui,
De vários credos e religiões, és beija flor voando em meu jardim…

Guanambi, Guanambi, onde o vento é voraz, beija flor do sertão em tupi guarani. (2x)

Guanambi, Guanambi onde o vento é voraz, beija flor do sertão, o seu nome em tupi… es Guanambi!


Guanambi (2017)

Composição e Interpretação: Georg Ramos

Guanambi Guanambi,

Tupi-guarani Beija-flor meu amor
Você conhece o interior da Bahia?
Terra de um povo sonhador!
Eu tô falando de Guanambi
Do sertão é Beija-flor
A beira do Riacho do Belém em um Arraial
Descortinava seu potencial Guanambi,

Tupi-guarani Beija-flor meu amor
Tem feira-livre tem comercio forte
Pode mudar a tua sorte Guanambi,

Tupi-guarani Beija-flor meu amor Você conhece o interior da Bahia?
Terra de um povo sonhador!
Eu tô falando de Guanambi
Do sertão é Beija-flor
Tem feira-livre tem comercio forte
Pode mudar a tua sorte Guanambi,
Tupi-guarani Beija-flor meu amor polo regional,
Cidade plural
De muita fé e tradição
É celeiro cultural Sólo de gente feliz Essa é minha raiz Guanambi,

Tupi-guarani Beija-flor meu amor (4 vezes)


Guanambi (2019)

Composição e Interpretação: Rodrigo Lamore

Veja no Facebook

Letra

Foi aqui Nascido no amor do mundo
A felicidade traz
A vontade de vencer Para provar o meu amor
Que eu sinto por você.

Guanambi
A terra do meu coração
Trago agora a lembrança
Todo o beija-flor Vivo nessa distancia
Saudade Acabe com essa dor.

Vou dizer
Meus amigos, minha família
Por você
Escolhi continuar.

Guanambi
Eu beijo tua flor Guanambi
Eu sinto teu calor Guanambi
Saudade que aperta o peito
E dá vontade de voltar Guanambi De tudo que vivi Guanambi
Tudo está ali Guanambi
Voando bem alto agora Feito um colibri.


Forró do Centenário (2019)

Composição e Interpretação: Gil Martins

Letra

Eu esse ano, vou botar pra derreter
Pois o couro vai comer no forró do centenário
Comprei engenho, mui cana e fiz o mé, já pedi pra Izabé marcar no seu calendário
Fui pra Mutans, Ceraima e Morrinhos, fui passando nos caminhos e cheguei no Suruá
E nos 100 anos da terra de Beija Flor, vou dançar com meu amor até o dia clarear
Vem, vem vem, vem, vou dançar com meu amor um “forró de xenhenhem”
Sem, sem, sem, se sem vergonha e sem medo pra comemorar os 100! (BIS)
E seu Geraldo cochichando com alguém, “pra comemorar os cem preciso me superar”
E decorar com estrela e com balão toda praça do feijão pra alegria completar.
Eu agradeço a este povo abençoado, que me acolheu no passado e me orgulha no
presente
Lhe esperarei Sempre de braços abertos pra que venha ver de perto o calor da nossa
gente
Vem, vem vem, vem, vou dançar com meu amor um “forró de xenhenhem”
Sem, sem, sem, se sem vergonha e sem medo pra comemorar os 100! (BIS)

A vila de Beija Flor cresceu…
Eita Guanambi, teu nome é tão doce que basta uma pitadinha de nada pra adoçar
meio mundo
Quando eu te avisto lá do alto da serra, eu já sinto um tum, tum diferenciado
Ei Guanambi de açúcar! (Fala)
Vem, vem vem, vem, vou dançar com meu amor um “forró de xenhenhêm”
Sem, sem, sem, se sem vergonha e sem medo pra comemorar os 100! (4x)


Centenário (2019)

Composição: Mazinho Vieira
Interpretação: Leo Lucca e Mazinho Vieira

Letra

Pequeno Beija-Flor nasceu no sertão
Tão lindo e belo como flor de algodão
Tão desejado, querido e amado
Cresceu Beija-Flor e formou grande população
Numa linda flor fez o seu ninho
Flores no jardim, viu florescer
Entre os cerrados, florestas e rios,
Lagos e lagoas, Beija-Flor se transformou
Beija-Flor é Guanambi, filhos guerreiros,
Beija-Flor gerou aqui, aqui você vem,
Aqui se apaixona, o progresso é aqui,
Não param de lutar
Oh! Beija-Flor na Bahia, tu és Guanambi
Parabéns! Parabéns!
Guanambi pelo seu aniversário,
Parabéns! Parabéns!
Oh! Guanambi pelo seu Centenário


Centenário de Guanambi (2019)

Composição: Gildasio Fernandes
Intérprete: Robson Mello


A Minha Querida Guanambi (2019)

Composição: Marcus Vinícius e Faustino Abrantes
Intérprete: Faustino Abrantes


Guanambi (2019)

Composição e Interpretação: Matheus Boa Sorte

Letra

Guanambi – Matheus Boa Sorte

Quantas vezes Deus mandasse escolher
Guanambi você, seria o meu lugar
Meu canto bom e abençoado de Bahia
Meu recanto de alegria, vou pra sempre te amar
Dos ventos fortes, que produzem energia
Guanambi tem uma magia, que é difícil explicar
Simplicidade, meu pedaço de sertão
Sou da pluma do algodão, nosso calor a esquentar

Quando estou longe, a saudade faz lembrar
Dá vontade de voltar, sem você não sei viver
Recordações, que eu eu guardo na lembrança
Desde o tempo de criança, Guanambi é meu lugar

Refrão.
São, 100 de anos de história, 100 anos beija flor
Guanambi se eternizou, e sempre vai nos orgulhar
São, 100 de história, 100 anos beija flor
Guanambi, meu grande amor, pra sempre vou te amar…


 

Faltou alguma música? Mande para nós no Whatsapp – (77) 99821-7120

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui