28.4 C
Guanambi
Bahia Informe lançado pela Epamig e IF Baiano ensina técnicas de cultivo de...
quarta-feira, 21 abril, 2021
Anúncio

Informe lançado pela Epamig e IF Baiano ensina técnicas de cultivo de umbuzeiro

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Um evento realizado na manhã desta terça-feira (10), na seda da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), em Nova Porteirinha (MG), reuniu pesquisadores, estudantes, autoridades locais e agricultores para o lançamento do Informe Agropecuário sobre o “Umbuzeiro: a frutífera da Caatinga”.

A publicação traz técnicas experimentadas em 25 anos de pesquisas desenvolvidas pela Epamig, com colaboração de professores do Instituto Federal Baiano – Campus Guanambi, de pesquisadores da Embrapa e de outras instituições.

As informações contidas no Informe incluem a importância socioeconômica do umbuzeiro para o Semiárido brasileiro, a produção de mudas, a ecofisiologia da planta, o manejo de podas e adubação, as cultivares promissoras, pragas e doenças, pós-colheita, comercialização e beneficiamento do fruto.

Poliana Mara Oliveira, Chefe Geral da Epamig Norte, explica que as pesquisas sobre o umbu começaram na década de 90 após pesquisadores percorrerem o Norte do Estado em busca das melhores variedades do fruto. “Esses materiais vêm sendo estudados para verificar as variedades com melhor viabilidade, maior rendimento de polpa, entre outras variáveis”, comentou.

A pesquisadora ressalta que a cultura tem conquistado importância econômica significativa na região Norte de Minas Gerais. “O umbu conquistou grande importância econômica na região, principalmente na agricultura familiar. Temos tentado expandir a consciência sobre a importância do umbu para a região, por ser uma cultura totalmente adaptada, sem necessidade de irrigação para produzir. Como cultura de sequeiro, o umbu pode ser a saída para muitas famílias aqui no semiárido mineiro”, concluiu.

O agricultor Gilmar Santos resolveu diversificar sua produção implantando o cultivo de umbu em sua propriedade, localizada no projeto de irrigação do município de Jaíba (MG). Há um ano, ele plantou um hectare da planta. A primeira colheita deve ocorrer cinco anos após o plantio. “A ideia de plantar umbu surgiu da minha cabeça mesmo, procurei o apoio técnico vindo até a Epamig, comprei as mudas e já está tudo implantado”, comentou.

O professor Sérgio Donato, do IF Baiano, foi o ministrante da palestra de abertura do evento de lançamento do Informe. Ele falou sobre os aspectos técnicos para produção do fruto.

Segundo o professor, a produção extrativista de umbu vem caindo e isso vem abrindo espaço para produção comercial do fruto. “O cultivo comercial é mais recente e tem como lógica atender tanto a parte de processamento quanto a parte destes mercados específicos de consumo in natura, como as capitais dos estados do Nordeste quanto do Sudeste, onde há expressiva população nordestina. Na produção comercial trabalha-se com uma cultivar definida e com técnicas de adubação e espaçamento que garantem maior produtividade”, esclarece.

O Informe Agropecuário sobre cultivo do umbu é o 307° lançado pela Epamig. Ele será disponibilizado para venda nos próximos dias no site da instituição.

Parceria

Professores do IF Baiano e pesquisadores da Epamig trabalham em conjunto há mais de 20 anos. As instituições trocam experiências no desenvolvimento de técnicas de produção, principalmente na área de fruticultura.

O primeiro Informe Agropecuário produzido em conjunto foi impresso em 2015 e lançado em 201, a publicação teve como tema o cultivo da Bananeira. Já em 2017, outro Informe foi publicado com a mesma parceria, desta vez sobre cultivo de Palma.

Veja fotos

Relacionadas

Mais Lidas

Meteorologia prevê semana com chuvas na região de Guanambi

O tempo seco e calor deram espaço para a chegada de nuvens carregadas na região de Guanambi, deixando o tempo nublado desde o fim...

Cantor Igor Kannário foi condenado a indenizar policiais militares de Guanambi

O cantor e deputado federal Igor Kannário (DEM) foi condenado a indenizar nove policiais militares do 17º Batalhão da Polícia Militar (BPM) de Guanambi,...

Guanambi registra 60º óbito em decorrência da Covid-19

Mais um óbito por complicações da Covid-19 foi registrado em Guanambi, nesta segunda-feira (19). A informação consta em uma nota divulgada pela Secretaria de...

Prefeitura de Guanambi atualiza normas restritivas e amplia flexibilização do comércio

Um novo decreto com medidas restritivas para tentar frear o avanço do coronavírus foi publicado no Diário Oficial do Município, desta segunda-feira (19). As...

Setor do Bolsa Família em Guanambi suspende atendimentos após servidora testar positivo para Covid-19

A Secretaria de Assistência Social de Guanambi está com os atendimentos presenciais suspensos, no setor de cadastro do Bolsa Família, após uma servidora testar...

Ministério da Economia anunciou salário mínimo de R$ 1.147 em 2022

O Ministério da Economia anunciou que o salário mínimo de 2022 será de R$ 1.147, acima do valor atual de R$ 1.100, representando uma...

Deixe uma resposta