Imagem Ilustrativa

A Prefeitura de Guanambi divulgou a contratação de serviços e equipamentos para os hospitais de campanha que estarão recebendo pacientes vítimas da Covid-19. As aquisições foram divulgadas no Diário Oficial do Município desta quinta-feira (21).

Em Resumo de Instrumento Contratual, a prefeitura anunciou a aquisição e instalação de aparelhos de ar condicionado destinados a Unidade de Pronto Atendimento do Município relacionado ao COVID-19 e a contratação de empresa especializada em prestação de serviços em manutenção corretiva e preventiva, com o fornecimento de peças, acessórios e componentes em ventiladores pulmonares destinada ao Hospital Municipal.

Além disso, divulgou também a contratação de empresa com material e mão de obra destinado a instalação de tubulações de gases medicinais para as adaptações do Hospital Municipal e Unidade de Pronto Atendimento – UPA 24hs, onde serão atendidos pacientes graves com suspeitas e diagnosticadas com COVID-19, aquisição de Filtro para ser acoplado à sistemas ventilatórios – HMEF e a aquisição de carro de emergência destinado ao Hospital Municipal para ações de enfrentamento ao COVID-19 no município.

O valor dos contratos somam quase R$ 90.000,00 sendo R$ 15.840,00 para aquisição e instalação de aparelhos de ar condicionado, R$ 26.400,00 para fornecimento de peças, acessórios e componentes em ventiladores pulmonares, R$ 27.831,14 para contratação de empresa com material e mão de obra destinado a instalação de tubulações de gases medicinais, R$ 19.000,00 para aquisição de Filtro HMEF e R$ 2.300,00 para aquisição de carro de emergência.

Em uma coletiva realizada pela Secretaria de Saúde nesta sexta-feira (22), um profissional da imprensa perguntou sobre a quantidade de respiradores e leitos disponíveis na cidade. O secretário de Saúde, Manoel Paulo, respondeu que são três leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital Municipal, exclusivos para a população de Guanambi. O imóvel fica localizado onde funcionava o antigo Hospital São Lucas.

Pontuou ainda que a secretaria está buscando adquirir mais respiradores, destacando que a capacidade do hospital é de até 10 leitos de UTI assim que os respiradores forem adquiridos e as equipes para opera-los forem contratadas.

Além disso, ele informou que no Pronto Atendimento (PA), localizado na Promater, na Praça José Ferreira, no Centro, existem quatro leitos de isolamento, sendo três para pacientes leves e um para paciente considerado moderado. E no primeiro andar existe uma estrutura que pode ser ampliada para até 20 leitos clínicos.

Os respectivos leitos serão utilizados, segundo o secretário, por pacientes que não tem condições de fazer o tratamento em domicílio ou que estejam em condições de vulnerabilidade social.

A Prefeitura elaborou uma seleção com 46 vagas para a contratação de profissionais da saúde, tendo em vista o acompanhamento dos pacientes vítimas de Covid-19 nos leitos e nas UTI’s dos hospitais de campanha. Até o momento foram convocados nove dos 16 médicos aprovados na seleção. As outras funções, 8 Enfermeiros, 5 Fisioterapeutas, 2 Assistentes sociais e 15 Técnicos em Enfermagem ainda não tiveram as convocações publicadas.

Em Guanambi são 18 casos confirmados da doença. Na última sexta-feira (15), 13 trabalhadores das obras da linha de transmissão de energia testaram positivo. Nesta quarta-feira (20), mais quatro casos foram confirmados pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen/BA).

O último caso foi confirmado nesta quinta-feira (21), por meio de um teste rápido. Até o momento, nenhum dos pacientes com diagnóstico confirmado evoluiu para a forma grave da Covid-19.

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui