divulgação | PM

Um ônibus da empresa TransBrasil foi escoltado por agentes da Polícia Militar da Bahia até o distrito de Rosário, em Correntina, já na divisa dos estados da Bahia com Goiás, na manhã deste domingo (24).

O coletivo transportava passageiros de Goiânia para os municípios de Santa Maria da Vitória e Bom Jesus da Lapa, onde o prefeito Eures Ribeiro determinou o retorno do coletivo ao estado de origem. Nenhum passageiro desembarcou nas cidades.

De acordo com o Portal Folha do Vale, antes de seguir sentido Bom Jesus da Lapa, o veículo tentou entrar em Santa Maria da Vitoria, mas foi interceptado depois de descumprir decretos municipais e estaduais que impedem a entrada de ônibus na cidade.

O gestor de Santa Maria da Vitória, Renato Rodrigues Leite Júnior, Renatinho (PP), afirmou que o ônibus foi apreendido. Já o motorista e todos os passageiros tiveram suas temperaturas aferidas e foram encaminhados à delegacia e depois liberados para seguir viagem.

O ônibus prosseguiu em direção a Bom Jesus da Lapa, onde também foi parado, dessa vez por uma guarnição da Polícia Militar com o apoio da Guarda Municipal da cidade. A ação teria sido coordenada pelo prefeito Eures Ribeiro (PSD), o qual afirmou que a determinação era para o coletivo voltar escoltado para o estado de origem, após decisão dos dois municípios.

Ele destacou ainda que os passageiros tinham como destino a cidade de Bom Jesus da Lapa, além de Riacho de Santana e Caetité. O decreto estadual impede a circulação e saída de qualquer transporte coletivo intermunicipal nos municípios de Bom Jesus da Lapa e Santa Maria da Vitória por causa dos casos de coronavírus.

Além disso, as duas cidades também ampliaram as medidas restritivas para o isolamento social, proibindo o transporte coletivo municipal, além do fechamento do comércio não essencial e uso obrigatório de máscara.

De acordo com o respectivo site, Ribeiro foi criticado nas redes sociais por não permitir o desembarque dos lapenses, mas também foi elogiado por impedir que um coletivo entrasse na cidade com vários passageiros.

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui