Reprodução

A campanha de vacinação antirrábica para cães e gatos vai começar no próximo dia 19, em Guanambi. A ação será realizada em três sábados seguidos e em mais de 20 unidades de Postos de Saúde da Família (PSF) espalhados pela cidade.

O primeiro dia de imunização acontecerá no sábado (19), no horário das 8h às 17h e serão nos PSFs dos bairros – Beija Flor, Alto Caiçara, Brasília, Paraíso, Monte Pascoal, Alvorada, Lagoinha e Vomitamel.

Já o segundo dia de Campanha de Vacinação Antirrábica será no dia 26 de setembro, também em um sábado, no horário das 8h às 12h. Os Postos participantes deste dia serão os dos bairros – São Francisco, São Sebastião, Belo Horizonte, Centro Industrial, BNH e Residencias: Massaraduba, Aroeira e Gurungas.

O último dia da campanha de vacinação está previsto para 26 de setembro (sábado), no horário das 14h às 17h. Os PSFs que estarão vacinando são – 1º Centro de Saúde, Polimeg, Vila Nova, Ipiranga e nos Residencias Monte Azul e Morada dos Pássaros.

Além dos PSFs citados, no dia 26 também terão profissionais realizando a vacinação na Praça do Feijão e no Sítio Vomitamel.

Devem ser imunizados animais a partir dos três meses de idade, exceto os que estiverem doentes. A Secretaria de Saúde ainda ressaltou que para evitar a disseminação da Covid-19, o uso da máscara pelos tutores que levarem os bichos para imunização será obrigatória.

Importância da vacina antirrábica 

A raiva é um vírus zoonose, ou seja, que pode ser transmitido do animal para o homem. Ainda que seja considerada incomum nos dias de hoje, ainda gera muitas preocupações para amantes de bichinhos de estimação, pois é fatal em quase 100% dos casos.

Essa doença contagiosa é transmitida através da saliva de animais contaminados, por isso, sua principal forma de propagação é a mordida. Tanto nos pets quanto em pessoas, o vírus pode ficar encubado por até duas semanas até que os sintomas surjam, sendo a agressividade mais notável.

Devido à facilidade da contaminação, a vacina é tão importante. Além da mordida, a contaminação também pode ocorrer por arranhões e até mesmo o simples contato com excrementos e secreções.

Segundo o site Mundo Pet, ainda hoje, a vacina antirrábica é a única forma de prevenção. Animais que viajam muito, que estão em contato com animais silvestres ou que passam muito tempo nas ruas são os mais suscetíveis a adquirir a doença, mas até mesmo os mais bem cuidados não estão 100% a salvos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui