Foto: Blog do Sena

Começam a funcionar nesta terça-feira (8), em caráter fiscalizatório, as novas lombadas eletrônicas e radares instalados em vias públicas de Vitória da Conquista. Os motoristas flagrados trafegando acima da velocidade permitida nos trechos com os equipamentos serão multados.

As multas por excesso de velocidade variam de acordo com a porcentagem do limite de velocidade excedida. O valor mais baixo que um condutor pode pagar pela multa por excesso de velocidade em 2020 é R$ 130,16. O motorista pode receber, também, multa de R$ 195,23 e R$ 880,41. Além disso, existe a chance de ter a CNH suspensa.

Veja também: em fase de testes, radares flagraram motoristas a 120 Km/h em Vitória da Conquista

Quem excede a velocidade permitida em até 20% comete infração média e está sujeito a  multa de R$ 130,16 e pode perder 4 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Já quem for flagrado transitando em velocidade superior à máxima permitida em 20% até 50% comete infração grave, com multa de R$ 195,23 e perda de 5 pontos na CNH. Por fim, se a velocidade foi superior a 50% da máxima permitida, a multa é R$ 880,41, com infração gravíssima e suspensão da CNH.

São doze equipamentos funcionado em caráter educativo desde o dia 23 de agosto. Três equipamentos estão instalados em pontos onde é permitido o tráfego à velocidade de até 40 Km/h. Em sete pontos, os motoristas podem trafegar a até 50 Km/h e em outros dois pontos a velocidade máxima é 50 Km/h.

A prefeitura informou à época que os equipamentos funcionariam em caráter educativo por 15 dias e que a partir deste prazo já estariam aplicando as infrações aos motoristas que desrespeitarem os limites estabelecidos.

Ainda segundo a prefeitura, a instalação dos equipamentos de fiscalização tem o objetivo de fortalecer a prevenção a acidentes de trânsito. Uma campanha educativa com peças publicitárias sobre o funcionamento dos radares e lombadas está circulando há alguns dias, como forma de informar a população das mudanças.

Os radares têm a função de monitorar a velocidade no decorrer das vias, e as lombadas, onde há um visor que mostra ao condutor a velocidade que está sendo praticada, são instaladas próximos a locais com grande fluxo de pedestres e têm a função fazer com que os motoristas diminuam a velocidade nesses pontos específicos.

Locais com novos radares em Vitória da Conquista

Inicialmente, os equipamentos foram instalados em pontos que registram maior número de acidentes por conta do excesso de velocidade.

Nas avenidas Frei Benjamin e Brumado, os radares irão multar que circular acima de 40 km/h.nas, 50 km/h em dois trechos da avenida Luís Eduardo Magalhães, na av. Juracy Magalhães e na Avenida J. Pedral, e 60km/h em um trecho da av. Luís Eduardo Magalhães.

Os radares e lombadas eletrônicas possuem o sistema OCR (Optical Character Recogni), que faz a leitura automática das placas e disponibiliza dados dos veículos e proprietários. Com isso, é possível disponibilizar o registro de entrada e saída de veículos, como também a contagem volumétrica de tráfego.

Os radares estão distribuídos na Avenida Luís Eduardo Magalhães (próximo ao posto de gasolina e à Bira Imóveis, em ambos os sentidos); na Avenida Juracy Magalhães (próximo à Delegacia da Polícia Federal, sentido Centro – BR 415); e na Avenida J. Pedral (próximo ao Condomínio Residencial Villa Constanza, em ambos os sentidos).

Já as lombadas eletrônicas estão localizadas na Avenida Juracy Magalhães (próxima à Delegacia da Polícia Federal, sentido BR 415 – Centro); na Avenida Frei Benjamin (em frente ao Centro Integrado Navarro de Brito, em ambos os sentidos); na Avenida Luís Eduardo Magalhães (próximo à Fainor, sentido Olívia Flores; e próximo à Avenida Paulo Filadelfio, sentido Estádio Lomanto Júnior); e na Avenida Brumado (próxima ao Centro Cultural Glauber Rocha, sentido Centro).

Com Informações da Prefeitura de Vitória da Conquista

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui