Reprodução / Whatsapp

Dois técnicos em telecomunicações ficaram feridos após um incêndio floresta no morro onde fica localizado o monumento do Cristo, em Palmas de Monte Alto. Eles faziam manutenção em aparelhos localizados uma das torres de telefonia instalada no alto do morro.

Segundo o portal Vilson Nunes, Eles foram socorridos ao Hospital Municipal Milton Farias de Laranjeira e posteriormente foram transferidos para o Hospital Geral de Guanambi, sendo que um deles teve queimaduras mais graves e foi direto para o Centro Cirúrgico.

O incêndio foi avistado por populares por volta de meio dia e só foi controlado no fim da tarde. De acordo com a secretaria municipal de Meio Ambiente, funcionários da prefeitura e voluntários conseguiram conter o fogo por volta das 16h. As chamas e a coluna de fumaça assustaram os moradores de Palmas de Monte Alto. A pasta não estimou qual foi a área destruída pelas chamas.

FIRMS – Fire Information for Resource Management System

De acordo com imagens dos satélites de monitoramento, a área queimada pode chegar próxima a 200 hectares de vegetação nativa da caatinga. Os primeiro focos foram captados pelos satélites pouco depois de meio dia.

Vários vídeos de moradores do município foram publicados em grupos de WhatsApp, sendo possível observar a intensidade das chamas e da fumaça que se alastrou rapidamente pela serra.

Nas imagens é possível ver o fogo próximo a uma torre de telefonia celular e a imagem do Cristo no alto da serra.

Incêndios na região

O tempo quente e seco característico desta época do ano contribui para o surgimento de grandes queimadas. Nas duas semanas anteriores foram registradas altas temperaturas na região e a umidade relativa do ar chegou a níveis críticos.

A vegetação seca devido há mais de 160 dias sem chuva significativa, deixa o período mais propício a grandes queimadas, sobretudo em vegetações na zona rural.

Em Guanambi, por exemplo, vários incêndios foram registrados no final do mês. Os dois mais intensos consumiu mais de 150 hectares de vegetação, neste domingo (27).  Imagens de satélite de monitoramento registraram mais dois incêndios no domingo, um próximo à divisa com Candiba, e outro às margens da BA-573 (estrada de Malhada). Juntos resultaram na destruição de cerca de 100 hectares.

Além disso, um incêndio de grandes proporções consumiu uma área de vegetação próximo à cidade de Caetité, no dia 20 de setembro.

As imagens de satélite também registraram um incêndio iniciado nesta segunda-feira (28), próximo à cidade de Matina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui