30.3 C
Guanambi
24.7 C
Vitória da Conquista

Inmet emite novos alertas de chuvas intensas em boa parte da Região Nordeste

9,086FãsCurtir
15,413SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
823InscritosInscrever
Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Advertisement

Mais temporais fortes estão previstos para ocorrer na Bahia e em outros estados do Nordeste entre terça (3) e quarta-feira (4). O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), por meio do Centro Virtual de Avisos de Eventos Meteorológicos Extremos na América Latina (Alerter-AS), emitiu novos alertas para o Estado na categoria “Perigo” (cor laranja) e “Perigo potencial” (cor amarela).

Segundo o instituto, podem ocorrer chuvas entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia e ventos intensos (60-100 km/h), o que pode regar alagamentos, risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores e de descargas elétricas.

As instruções à população são para que, em caso de temporais, evite se a abrigar debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas e para não estacionar veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda. Também é recomendado, se possível, que desligue aparelhos elétricos e quadro geral de energia e, em caso de perigo, procure ajuda junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193) em caso de perigo, caso exista os serviços na área.

Além da Bahia, os alertas incluem áreas de Sergipe, Alagoas, Pernambuco,, Paraíba, Ceará, Piauí e Maranhão, além do Tocantins, Mato Grosso, Goiás, Rondônia, Pará e Amazonas. Nestas regiões, o tempo continuará chuvoso pelo menos até o fim desta semana segundo as previsões dos modelos meteorológicos.

Toda esta chuva está sendo causada pela formação de uma Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), ativa desde o último sábado (31). Por conta do posicionamento de uma área de baixa pressão sobre o oceano a altura da Região Sudeste, o deslocamento do canal de umidade foi formado mais ao norte de sua posição inicial, fazendo a chuva avançar ao norte da região Sudeste, favorecendo a formação de temporais temporais também em cidades baianas e de outros Estados do Nordeste.

- Advertisement -

Nos últimos três dias, o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastre Naturais (Cemaden) registrou grandes precipitações em algumas cidades baianas. Os maiores volumes foram registrados em Ibipitanga, 174 mm, Lapão, 154 mm, Boquira 126 mm e Juazeiro, 103 mm.

Em Irecê ocorreu um dos maiores temporais já registrados no município. Na noite desta segunda-feira (2) foram registrados mais de 150 mm na região central da cidade, causando alagamento em ruas e deixando pessoas desalojadas.

Em Vitória da Conquista, na noite do último sábado (31), um temporal deixou ruas alagadas e a enxurrada chegou a arrastar automóveis em algumas vias. Em Caetité, uma rua ficou destruída pela força da água, que abriu valas e deixou as tubulações de água e esgoto expostas.

Bahia Inmet emite novos alertas de chuvas intensas em boa parte da Região...

Deixe uma resposta

Relacionadas