22.4 C
Guanambi
16.4 C
Vitória da Conquista

Decreto determina fechamento do comércio a noite e fins de semana em Guanambi

9,142FãsCurtir
15,413SeguidoresSeguir
261SeguidoresSeguir
823InscritosInscrever
Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Um novo decreto com medidas de combate à propagação do coronavírus foi editado em Guanambi. O documento assinado pelo prefeito Nilo Coelho (DEM) foi publicado na noite desta quarta-feira (17), no Diário Oficial do Município.

Conforme noticiado no início da semana, as nova medidas tornam mais restrito o funcionamento das atividades econômicas no município. A partir de agora, todos os estabelecimentos considerados não essenciais poderão funcionar somente de segunda a sexta-feira, das 6h às 18 h.

Atividades como obras, serviços e estabelecimentos da construção civil, centros de estética e salões de beleza, lojas e industrias foram retiradas da categoria de serviços essenciais e também terão que respeitar o novo horário.

O mesmo vale para bares, restaurantes, lanchonetes e similares. Estes estabelecimentos ficarão proibidos de abrir a noite e nos fins de semana. O serviço de entrega de gêneros alimentícios e outros produtos, só poderão ser realizados diretamente na residência do consumidor, até as 22 horas. Os estabelecimentos de alimentação localizados no Centro de Abastecimento também deverão seguir as mesmas normas.

- Advertisement -

Com exceção de farmácias e unidades de saúde, os demais estabelecimentos considerados essenciais, como supermercados, padarias e postos de combustíveis, deverão funcionar no máximo até as 22h. Esta determinação ocorre em linha com o decreto estadual, que estabeleceu toque de recolher noturno das 22h às 5h em 343 municípios baianos, e também foi reforçada no decreto municipal.

Os cultos religiosos também voltara a ser suspensos e o setor de hotelaria, hospedagens e similares está proibido de novos hóspedes a partir das 22 horas. As academias também estão proibidas de funcionar. O funcionamento de cursos livres  presenciais também está suspenso.

As medidas destinadas ao comércio e ao setor de hotelaria têm validade até o dia 25 e fevereiro. Já as demais proibições do decreto valem até o dia 8 de março.

Também foram tomadas medidas em relação ao funcionamento dos setores da prefeitura, deixando suspenso o atendimento presencial ao público, com exceção dos serviços essenciais de cada secretaria, que deverá implantar o sistema de plantão e estabelecer regime de trabalho remoto para os servidores.

Um outro decreto, publicado no último dia 9, já havia imposto uma série de restrições, como limitação de horários para funcionamento do setor de alimentação, fechamento de clubes sociais e de equipamentos esportivos, e limitação do número de fiéis nos cultos.

Coronavírus em Guanambi

 

Mais 26 casos da doença foram registrados no município nesta quarta-feira. Agora são 3.431 casos positivos, com 3.296 pacientes recuperados e 21 óbitos. No momento, 114 pacientes ainda estão com o vírus, sendo que 16 estão internados. Outras 113 pacientes com suspeita da doença aguardam o resultado dos exames.

Política Administração Pública Decreto determina fechamento do comércio a noite e fins de semana em...

Deixe uma resposta

Relacionadas