20.5 C
Guanambi
14.4 C
Vitória da Conquista

Polícia Civil designou 53 novos investigadores para delegacias do interior da Bahia

- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -




A nova leva de investigadores nomeados para a Polícia Civil da Bahia já sabe onde irá começar sua jornada na Instituição. Nesta quinta-feira (29), 53 servidores participaram da cerimônia de designação, na qual conheceram suas primeiras lotações.

Entre as unidades contempladas com os novos policiais, estão as de Jaguaquara, Ruy Barbosa, Pindobaçu, Remanso, Baixa Grande, Itarantim, Queimadas, Conceição de Feira, Irecê, Santa Maria da Vitória, Cardeal da Silva, Sítio do Quinto, Luiz Eduardo Magalhães, Serrinha, Carinhanha, Seabra, Lapão, Capela do Alto Alegre, Presidente Dutra e Andaraí, além do Departamento de Inteligência Policial (DIP) e Grupo Especial de Mediação e Acompanhamento de Conflitos Agrários e Urbanos (Gemacau).

A cerimônia contou com a presença da Delegada-Geral da Polícia Civil da Bahia, Heloísa Campos de Brito, da Delegada-Geral Adjunta, Elâine Nogueira, da diretora do Departamento de Polícia do Interior, Rogéria Araújo, do diretor do Departamento de Planejamento, Administração e Finanças (Depaf), Gildécio Souza, a coordenadora do Gemacau, Giovanna Bonfim, e a delegada Ana Karina Sampaio Guerra, representando o DIP.

A Delegada-Geral ressaltou a importância de os novos servidores prestarem um atendimento de qualidade aos cidadãos que procuram as unidades da Polícia Civil pela Bahia. “Ninguém vai na delegacia dizer: ‘Oi, eu estou tão feliz, passei aqui para dar um abraço em você, porque meu filho passou no Enem!’. Ou ‘Olha, ganhei na Mega Sena, vim dar essa boa notícia!’. A pessoa já chega na delegacia chateada, e muitas vezes não fica à vontade no nosso ambiente de trabalho, em razão da peculiaridades da nossa atividade. E a gente precisa ter essa sensibilidade no atendimento. Precisamos ter em vista um padrão de excelência”, declarou.

“Convivi com os senhores na Acadepol, e repito: não espero nada além de excelência. Somos nós que vamos fazer a instituição chegar onde deve chegar e ser como deve ser”, acrescentou.

Os novos servidores vão passar por um treinamento prático com as novas pistolas Glock e já podem se apresentar às suas unidades.

Informações da Polícia Civil




- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -