25.4 C
Guanambi
19.3 C
Vitória da Conquista

Caminhoneiros seguem com bloqueio parcial nas BRs 242 e 020 em Luís Eduardo Magalhães

- Advertisement -

Últimas Notícias

- Advertisement -




Ao menos duas rodovias do oeste da Bahia têm bloqueios de caminhoneiros, na manhã desta sexta-feira (10), terceiro dia seguido de protestos. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), confirmadas no inicio da manhã, dois trechos da BR-242 e um da BR-020, todos na cidade de Luís Eduardo Magalhães, seguem com bloqueios.

Segundo a categoria, os protestos são em apoio aos atos realizados na terça-feira (7), em todo o país, a favor do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

De acordo com o G1, os bloqueio desta sexta-feira na Bahia são parciais: os manifestantes estão liberando a passagem de caminhões com cargas perecíveis e veículos menores.

Na BR-242, os bloqueios são realizados na altura dos quilômetros 874 e 900. Já na BR-020, ocorre na altura do quilômetro 205.

Rodovias bloqueadas foram liberadas em Brumado, Correntina e Nova Viçosa

Ontem (9), quatro trechos de rodovias federais, nas regiões Sul e Oeste da Bahia, foram liberados, após ações das polícias Militar e Rodoviária Federal. Os bloqueios foram desmobilizados, após negociações com caminhoneiros simpatizantes do presidente Bolsonaro.

Na cidade de Nova Viçosa, as vias totalmente liberadas foram no KM 920, da BR-101, e na BR-418, no KM 99. Já no município de Correntina, houve a desmobilização no KM 228, da BR-349. Fechando a lista, na cidade de Brumado, os policiais desarticularam um grupo que atrapalhava o fluxo, na BR-030, no KM 367.

No total, as polícias Militar e Rodoviária Federal reestabeleceram o fluxo de veículos em sete trechos de rodovias federais, na Bahia. Antes já havia liberado o trecho da BR-116 na cidade de Feira de Santana e da BR-101 em Eunápolis.

Bolsonaro pediu a liberação dos bloqueios 

Na última quarta-feira (8), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) enviou um áudio a lideranças dos protestos pedindo que os bloqueios em todo o país fossem finalizados.

Em nota divulgada às 7h30, desta sexta-feira (10), o Ministério da Infraestrutura afirmou que não havia mais nenhum bloqueio na Bahia, informação que é diferente da confirmada pela PRF ao G1.

“O Ministério da Infraestrutura, com base em informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), informa que, às 7h30 do dia 10 de Setembro de 2021, o número de ocorrências em rodovias federais caiu 45% desde a noite de quinta-feira (09). A redução aconteceu em todas as regiões do Brasil e apenas 3 estados seguem com pontos de concentração com abordagem a caminhoneiros: Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Rondônia. Nos estados de Mato Grosso do Sul, Goiás, Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santos e Paraná não há mais qualquer ponto de retenção na malha federal. Há aglomerações sem prejuízo ao livre fluxo de veículos no Mato Grosso e no Pará. Não há pontos de interdição em rodovias federais”, diz a nota da pasta.




- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -