17.9 C
Guanambi
13.4 C
Vitória da Conquista

Bombeiros ajudam moradores afetados pela cheia do rio São Francisco em Ibotirama

spot_img
- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -

Bombeiros militares do 17º GBM/Barreiras continuam empenhados na Operação Chuva em várias cidades da região Oeste.

O objetivo é acompanhar a situação de comunidades isoladas por conta das cheias e, se necessário, realizar resgates, orientar sobre os riscos da elevação do nível da água e auxiliar com ajuda humanitária.

Nesta segunda-feira (7), as equipes atuaram em Ibotirama, local do posto de comando, em parceria com a prefeitura do município.

Além de acompanhar a elevação do rio São Francisco, a bordo de embarcações, os militares acompanharam a Defesa Civil municipal no transporte de cestas básicas à comunidade de Ilha Grande. Cerca de 114 moradores foram beneficiados com a ação.

Ao longo da semana, a força-tarefa continuará percorrendo as localidades atingidas pela cheia, a fim de avaliar cada situação e oferecer o suporte necessário a cada morador.

Cheia do rio São Francisco

O pico da cheia do rio São Francisco está passando próximo a Ibotirama . O nível na cidade tem aumentando alguns centímetros todos os dias, chegando a 7,28 metros (m) na madrugada desta quarta-feira (9).

Toda a água segue descendo com destino ao reservatório da Hidroelétrica de Sobradinho, que ultrapassou 70% de seu volume e segue liberando 4.000 metros cúbicos por segundo (m³/s) pelas turbinas e comportas.

Mais acima, em Bom Jesus da Lapa, o Velho Chico chegou à cota 9,20 m, a maior desde 1992. Desde sábado (5), o volume de água parou de aumentar e as águas já recuaram 19 centímetros nas últimas 96 horas.

Em Minas Gerais, após mais de duas semanas de queda, o nível voltou a subir. Além disso, a Hidroelétrica de Três Marias continua com as comportas abertas.

A meteorologia está prevendo que deve chover bastante nos próximos dez dias em toda a bacia hidrográfica, principalmente nas regiões Metropolitana de Belo Horizonte, Central, Cetro-Oeste e Noroeste de Minas, onde os acumulados devem variar entre 150 e 200 mm no período.

Leia mais:

Rio São Francisco volta a subir em Minas Gerais

 

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -