17.6 C
Guanambi
16.1 C
Vitória da Conquista

Flamengo de Guanambi vai percorrer cerca de 7 mil quilômetros para tentar voltar à elite do futebol baiano

spot_img
- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -

O Clube Esportivo Flamengo de Guanambi é uma das equipes confirmadas na Série B do Campeonato Baiano 2022. Campeão em 2015, o time ascendeu à elite e fez uma boa campanha em 2016, no entanto, foi rebaixado no ano seguinte e está fora das competições há cerca de cinco anos.

Com uma nova diretoria constituída no ano passado, o clube se regularizou para reestreia no futebol profissional e terá um longo caminho pela frente para voltar à elite do futebol baiano. A estreia está prevista para acontecer no dia 22 de maio, no Estádio Dois de Julho, em Guanambi. O adversário será o Grapiúna, de Itabuna.

A volta do técnico Edson Mazolla, comandante do time nas campanhas exitosas de 2015 e 2016, foi confirmada na semana passada. Também foi confirmada a contratação do primeiro atleta do elenco, o volante Gilmar Diniz, de 34 anos, campeão baiano pelo Atlético de Alagoinhas em 2021.

Faltando 60 dias para a competição, o Beija-Flor do Sertão deve dar continuidade à formação da equipe e à preparação para a estreia da competição. Desde o ano passado, o escudo do time foi alterado e esta semana foi anunciada a nova camisa, que deixou de ser rubro-negra, como do xará famoso, e passou a ser grená, com listras pretas sobre os ombros e detalhes quadriculados também em preto.

Também foram anunciados alguns parceiros e patrocinadores, como a Artsilk, fornecedora dos uniformes, e da Prefeitura de Guanambi, que estampa o brasão do município na frente da camisa em uma imagem que circula na internet.

Longa estrada

De acordo com a tabela básica divulgada pela Federação Bahiana de Futebol (FBF), nas onze rodadas da primeira fase, a equipe fará cinco partidas sob seus domínios e viajará para enfrentar adversários em seis cidades. Serão aproximadamente 7 mil quilômetros de viagens sem contar os deslocamentos urbanos para treinos e jogos.

O Flamengo será o time que passará mais tempo na estrada entre todos da disputa, devido à localização de Guanambi em relação às demais cidades onde estão sediados os demais clubes. Ao todo, em cerca de um mês e meio de competição, a equipe deve passar o equivalente a uma semana viajando de ônibus por várias regiões do Estado.

Este ano, a Série B do Campeonato Baiano terá times representando as cidades de Feira de Santana (2), Guanambi (1), Irecê (1), Itabuna (2), Jacobina (2), Jequié (1), Juazeiro (1), Salvador (1) e Senhor do Bonfim (1).

Depois da estreia em casa no dia 22, o primeiro desafio do Flamengo de Guanambi Será uma viagem até Salvador, no domingo seguinte, contra o Galícia. Depois de viajar mais de 1.300 quilômetros de ida e volta, a equipe teve receber o Feirense na quarta-feira, 1º de junho.

A segunda viagem será a mais longa entre todos os deslocamentos a serem feitos pelos times na competição. Pela quarta rodada, no dia 5, o Beija-Flor do Sertão irá até Juazeiro, em uma viagem de cerca de 1.800 quilômetros considerando a ida e a volta.

Depois do longo esforço, a tabela prevê uma folga no meio da semana seguinte, o que dará fôlego e tempo de preparação para a partida em casa contra o Jacobina, no dia 12. Na sequência, o time viaja novamente mais 400 quilômetros até Jequié, para enfrentar o time da casa no dia 15. De lá, deve seguir mais 200 quilômetros até Itabuna para enfrentar o time que leva o nome da cidade no dia 19.

De volta a Guanambi, a equipe terá novamente uma semana inteira para realizar seus treinamentos e descansar das viagens. No dia 26, o adversário da oitava rodada será o Canaã, que virá de Irecê para a partida.  Na sequência, o compromisso será em Feira de Santana contra o Fluminense, no dia 29, para o "Fla-Flu do Sertão", reedição da final de 2015, em mais um bate e volta de mais de mil quilômetros.

Pela décima rodada, o Flamengo de Guanambi deve receber o Jacobinense e por fim, viaja mais cerca de 800 quilômetros até Senhor do Bonfim, onde encerrará a sua participação na primeira fase.

Caso avance até a final, a equipe ainda fará mais duas viagens nos duelos de mata-mata com jogos de ida e volta, o que deve superar os mais de 8 mil quilômetros rodados pelas rodovias do estado.

Veja o regulamento, a tabela básica e o plano de ação da Serie B do Baianão 2022

História

O Flamengo de Guanambi foi fundado em 2009 e tem as mesmas cores rubro-negras do time carioca famoso. O nome foi uma homenagem dos fundadores.

A equipe disputou sua primeira competição oficial em 2013, quando ficou na terceira colocação da série B. No ano seguinte, repetiu o feito da estreia. Já em 2015, conquistou o primeiro título de sua história e conseguiu o acesso à primeira divisão.

No primeiro ano na Série A, o Flamengo de Guanambi conseguiu se classificar para as quartas-de-finais da competição e venceu o Vitória no jogo de ida, no Estádio Dois de Julho por 1 a 0. Já no jogo de volta, o Vitória fez 3 a 0 na Arena Fonte Nova e eliminou o time do campeonato.

Em 2017, o time não conseguiu o mesmo rendimento e acabou rebaixado. Desde então, não entrou em campo novamente e o futebol permaneceu desativado durante este período.

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -