17.9 C
Guanambi
13.4 C
Vitória da Conquista

Prefeitura de Guanambi vai remover quebra-molas do viaduto da Fiol na BR-030

spot_img
- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -

Os quebra-molas instalados na BR-030, nas intermediações do viaduto da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), serão removidos ainda esta semana de acordo com informação repassadas nesta segunda-feira (18) pela Prefeitura de Guanambi.

De acordo com o comunicado publicado no portal oficial do município, o Superintendente de Trânsito de Guanambi, João de Deus Cotrim, informou que a retirada dos quebra-molas vai ocorrer após tratativas feitas junto ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Segundo o superintendente, a demanda atende à reivindicação de motoristas de toda a região.

A prefeitura justifica que, passado o período de construção do viaduto e demais obras assessórias, os redutores de velocidade se tornaram obsoletos e um entrave na fluidez do trânsito.

A competência e o poder para intervenções na pista é do DNIT, que por sua vez autorizou formalmente a CBV Construtora – empresa responsável pela manutenção da BR-030 – a proceder com a retirada dos quebra-molas. Reconhecendo a necessidade de rapidez na realização da operação e por falta de equipamentos específicos, a empresa autorizou a Superintendência Municipal de Trânsito (SMTtran) a retirar os redutores.

Retirada de outros quebra-molas

A retirada de quebra-molas em toda a cidade tem ocorrido de forma bastante frequente nos últimos meses. O trabalho de remoção começou no ano passado e foi intensificado nos últimos dois meses na cidade.

Neste período, houve aumento expressivo no número de acidentes registrados no perímetro urbano da cidade. No entanto, a SMTran alega que o aumento não tem relação com a remoção dos quebra-molas, uma vez que a maior parte dos acidentes ocorreu onde não ocorreu a retirada.

Para suprir a falta dos equipamentos em pontos críticos, a prefeitura pretende adquirir lombadas eletrônicas que podem aplicar multas nos motoristas que dirigirem acima da velocidade permitida. O processo licitatório foi aberto no início do ano, no entanto, os equipamentos ainda não foram adquiridos e instalados.

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -