28.2 C
Guanambi
24.7 C
Vitória da Conquista

Áreas da bacia do rio São Francisco devem ter chuvas nos primeiros dias de primavera

- -

Últimas Notícias

Tiago Marques
Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.

Os institutos de meteorologia estão apontando para a possibilidade de ocorrência de chuvas expressivas nas regiões do Alto e do Médio rio São Francisco. Nos próximos dez dias, os acumulados devem variar entre 50 e 100 mm.

A atuação de vários sistemas meteorológicos deve contribuir para a formação de instabilidades. As chuvas são previstas para todo o estado de Minas Gerais nos próximos dias, porém com menor intensidade na região Norte e no Vale do Jequitinhonha.

Nestes últimos dias de inverno, choveu em algumas regiões do estado, como na Zona da Mata e no Leste do Estado. No entanto, as regiões mais centrais ainda não tiveram chuvas significativas.

Os maiores volumes são esperados principalmente na região da Serra da Canastra, onde está localizada a nascente histórica do Velho Chico. As previsões apontam que deve começar a chover a partir de quarta-feira (21) ou quinta-feira (22) e que as chuvas devem ficar mais intensas no início da próxima semana

Nas cidades de São Roque de Minas, Vagem Bonita, Bambuí, Medeiros e todo o Alto São Francisco, as previsões indicam acumulados variando entre 50 e 100 mm nos próximos dez dias. Já em Abaeté, Dores do Indaiá, e demais municípios da região do lago da barragem de Três Marias, os volumes devem variar entre 35 mm e 60 mm.

Também são esperados volumes bastante significativos de chuva na região Noroeste do Estado, berço de importantes afluentes do rio São Francisco, como os rios Paracatu, Abaeté, Arinos e Urucuia.

Na sub-bacia do rio das Velhas, incluindo a região metropolitana de Belo Horizonte, também são esperados volumes acumulados na casa de 60 mm até o início da próxima semana. Já na região Central e Norte de Minas, as previsões são de chuvas entre 15 m e 45 mm. Quanto mais ao norte, menores são os acumulados previstos.

Nas áreas da bacia do rio São Francisco da Bahia, são esperadas apenas algumas pancadas de chuva, como nas regiões de Guanambi, no Centro Sul, na margem direita, e de Barreiras, no Oeste, na margem esquerda.

A partir da cidade de Bom Jesus da Lapa até a foz, entre Sergipe e Alagoas, as previsões apontam que o tempo deverá continuar firme até o fim de setembro.

Veja a previsão atualizada

Três Marias

A Hidroelétrica de Três Marias possuiu atualmente 63,4% de seu volume útil armazenado. De acordo com a Cemig, responsável pela operação da usina, a produção de energia está otimizada nas turbinas do equipamento.

Atualmente, a vazão turbinada está acima de 700 metros cúbicos (m³/s), o que está garantindo ao rio São Francisco um bom volume de água levando em conta a época do ano.

Há um ano, o reservatório operava com volume útil de 42,75%.

Sobradinho

Após atingir 100% de sua capacidade em abril, o reservatório da Hidroelétrica de Sobradinho opera atualmente com quase 70% de seu volume último. Em abril deste ano, após as cheias históricas do Velho Chico, o volume de água armazenada chegou a 100%.

Nesta terça-feira (20), de acordo com dados da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA),  Sobradinho está com quase 70% de sua capacidade. Durante todo o período seco, a hidroelétrica operou com vazões altas, bem diferente do cenário de seca registrado na década passada. Há um ano, o armazenamento era de 43%.

Apesar da grande oferta de água para geração de energia, a vida aquática e os ribeirinhos sofreram com mudanças bruscas na vazão do rio para equalizar a produção. O Ministério Público Federal (MPF) chegou a pedir explicações à Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) e ao Operador Nacional do Sistema (ONS).

 

Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- -

Mais Lidas