20 C
Guanambi
17.9 C
Vitória da Conquista

Começa o período de Defeso no rio São Francisco

Mais Lidas

https://materiais.henet.com.br/guanambi

Começou nesta terça-feira (1º), o período de Defeso do rio São Francisco, época em que acontece a reprodução dos peixes, também conhecida como Piracema.

De acordo com Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), a legislação prevê que este período vai até 28 de fevereiro de 2023, ficando proibida a pesca com todo tipo de malhas e outros equipamentos nas águas do Rio São Francisco.

Nas lagoas marginais do Velho Chico, locais mais propícios à reprodução, a proibição se estende um pouco mais, indo até 30 de abril.

“Sempre na época de trovoadas e chuvas, o peixe se prepara para migrar, subir o rio. O que a gente não quer é que antes do período de migração para a desova, esses peixes sejam capturados”, explica o engenheiro ambiental do Inema, Vanderlei Pinheiro.

É permitida apenas a pesca de anzol, mas com restrições. O limite é de até cinco quilos de peixes de espécies nativas e mais um exemplar de outras espécies, desde que não estejam na lista de extinção. A liberação leva em conta que este tipo de pesca não é predatória.

Embora sejam realizadas fiscalizações durante todo o ano, no período de Defeso, o Ibama, o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) e outras instituições intensificam a vigilância. Quem for flagrado pescando irregularmente no rio São Francisco pagará multa e pode até ser preso.

As chuvas históricas de dezembro e janeiro fizeram o rio São Francisco atingir níveis que não atingia há mais de uma década. Todo o volume de água favoreceu a reprodução dos peixes.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas Notícias