21.1 C
Guanambi
17.7 C
Vitória da Conquista

Projeto em comunidade rural de Caetité recebeu visita de equipe do Banco Mundial

Mais Lidas

https://materiais.henet.com.br/guanambi

Nesta terça-feira (22), um grupo formado por representantes do Banco Internacional de Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD/Banco Mundial) e da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) visitou o município de Caetité.

O motivo do encontro foi para a apresentação dos resultados do modelo de abastecimento de água em comunidades rurais da cidade que estão sob a gestão das Centrais de Associações Comunitárias para Manutenção Sistemas de Saneamento.

Esse projeto, também, está sendo realizado por comunidade de Jacobina e Seabra. Ao todo, já foram realizadas 23.361 novas ligações e já são 165 sistemas novos ou recuperados.

Equipe do Banco Mundial Caetité
Reprodução

A iniciativa é financiada pelo Governo do Estado, por meio do projeto Bahia Produtiva. As ações são realizadas em parceria com a Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb) e a Central de Associações Comunitárias, responsável pela manutenção e operação do sistema.

Projeto de abastecimento Caetité
Reprodução

O grupo visitou um dos sistemas, localizado na comunidade Lagoa do Maciel. O diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, destacou a importância da ação.

De acordo com Dias, as famílias atendidas em Caetité se somam às quase 30 mil outras famílias de toda a Bahia que passaram a ter água de forma permanente graças ao sistema. Esta foi a última visitado do projeto Bahia Produtiva com supervisão do Banco Mundial.

O especialista sênior em água e saneamento pelo Banco Mundial, Alfonso Alvestegui, avalia que o projeto não investiu somente na parte de infraestrutura. “Foi muito importante o trabalho na parte de gestão dos serviços, na contribuição das atividades sociais e no envolvimento da comunidade. Estamos muito contentes com essas lições aprendidas. É um exemplo para que o estado possa replicar”, pontuou.

O coordenador do Bahia Produtiva, Fernando Cabral, explicou que a Missão acontece duas vezes por ano e que essa é a última do projeto, que encerra suas atividades em dezembro deste ano de 2022: “momento de aprendizado e de contabilizar as conquistas. Com o Bahia Mais Produtiva queremos que mais ações como essa se concretizem”.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas Notícias