22.7 C
Guanambi
22.2 C
Vitória da Conquista

Pesquisadores da UFRB desenvolvem tecnologia que detecta adulteração no combustível

- -

Últimas Notícias

https://materiais.henet.com.br/guanambi

A frequência como a qual o consumidor encontra combustível adulterado no país tem aumentado, especialmente, com a elevação dos preços do produto. Contudo, uma pesquisa desenvolvida na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) promete ajudar a diminuir esse problema.

Os pesquisadores Rodrigo Galvão, Sidnel Souza e Andrei Marcelino, liderados pelo professor da UFRB Jorge Fernando, desenvolveram um marcador luminescente para a detecção de adulteração em combustíveis.

O objetivo dos pesquisadores é agilizar o processo para a identificação do produto modificado. Com os marcadores, que são materiais químicos, será possível atestar a legitimidade, a origem ou mesmo identificar se há alterações no produto.

Segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás natural e Biocombustíveis, só no primeiro semestre deste ano, a prática de adulteração dos combustíveis aumentou em 20%.

O projeto foi desenvolvido pelo Grupo de Pesquisa de Materiais Fotônicos da UFRB, no município de Amargosa, na Bahia.

O estudo contou com o financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (Fapesb), do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ), além da parceria com o Instituto Nacional de Energia e Meio Ambiente.

Os pesquisadores estão, agora, em busca de novos investidores que possibilitem a disponibilização da tecnologia desenvolvida para o mercado.

Relacionadas

Deixe uma resposta

- -

Mais Lidas