28.6 C
Guanambi
22.1 C
Vitória da Conquista

Peritos da Polícia Técnica de Guanambi e Irecê usaram técnica avançada para identificar criminoso por meio da Ciência Poroscópia

Mais Lidas

Uma técnica inédita na Bahia foi usada pelos peritos técnicos de Policia Civil da 22ª e da 14ª Coordenadorias Regionais de Policia Técnica (CRPT), localizadas respectivamente em em Guanambi e Irecê.

Pela primeira vez na história, técnicos vinculados à Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP-BA) utilizaram a técnica de análise Porsocópica para identificar o principal suspeito de cometer um crime que ocorreu no dia 13 de maio na cidade de Guanambi.

De acordo com o perito técnico Lucas Rocha Marchado Levi, de Guanambi, a Poroscopia é uma técnica científica avançada que trata da identificação humana através da análise dos poros presentes nas impressões papilares (mãos). O trabalho também contou com a experiência do técnico Jozinei Barbosa de Miranda, de Irecê.

Com esse método, os peritos responsáveis pela papiloscopia no estado da Bahia, conseguiram analisar de forma mais precisa os fragmentos de vestígios papiloscópicos revelados no local do crime e nos objetos relacionados do crime.

“Este Laudo de Perícia Poroscópica é um marco na história da Policia Técnica na Bahia. Nunca em nenhuma das policias, tanto a Policia Civil quanto a Policia Federal, ninguém tinha emitido este tipo de laudo. Estamos muito felizes em poder contribuir pra evolução histórica da perícia baiana e principalmente pra dar esse retorno à sociedade que necessita dos nossos trabalhos”, destacou Lucas.

Para este tipo de análise é necessário a utilização de scanners e softwares de imagem que permitam o aumento de resolução do material analisado. Essa metodologia auxilia principalmente nos casos em que os fragmentos de vestígios papiloscópicos possuem dimensões reduzidas e com poucas minúcias disponíveis”, explicam Lucas e Jozinei.

Eles destacaram ainda o uso da tecnologia para a conclusão de laudos mais qualificados e precisos. “A perícia tem um papel muito importante nas investigações, porque, muitas vezes, por meio dos vestígios encontrados no local do crime ou em objetos relacionados ao local de crime que os casos são solucionados. Então, quanto melhor for a tecnologia utilizada para que os laudos sejam mais precisos, mais sucesso as investigações terão”, concluíram.

O laudo de Perícia Poroscópica foi encaminhado à Delegacia Territorial de Guanambi e irá subsidiar o inquérito relativo ao crime.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas