27.1 C
Guanambi
22.5 C
Vitória da Conquista

Ufba emitiu nota sobre criação de campus em Jequié

Mais Lidas

Nesta terça-feira, 11 de junho, a Universidade Federal da Bahia (Ufba) emitiu uma nota sobre o anúncio da criação de um campus universitário no município de Jequié, anunciado pelo presidente Luís Inácio Lula da Silva nesta segunda-feira (10), durante o lançamento do novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) das Universidades, que prevê investimentos de R$ 5,5 bilhões às Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes).

No comunicado, a Ufba informou que não foi consultada sobre o tema e que a posição da instituição ainda reflete o pensamento das quatro universidades federais baianas, expresso em outubro de 2023, em ofício encaminhado à Bancada da Bahia na Câmara dos Deputados, reforçando que não está definido que o novo campus será de sua responsabilidade ou de outra instituição do estado.

De acordo com a universidade, o documento reconhece a necessidade de expansão do ensino superior no estado, mas estabelece que apenas após sanados os problemas de infraestrutura e de pessoal das instituições, será possível debater a possibilidade de criação de novos campi universitários e novas universidades no Estado.

Ainda segundo a Ufba, este posicionamento também foi comunicado à diretoria da Andifes (Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior) e à Secretaria de Educação Superior (Sesu) do Ministério da Educação (MEC).

Durante a reunião onde foi feito o anúncio da criação de dez novos campi universitários em todo o país, coma presença do reitor da Universidade Federal da Bahia, Paulo Miguez,o presidente anunciou também o aporte de mais R$ 279 milhões em verbas de custeio para as universidades.

“Ainda que esses valores não atendam às necessidades orçamentárias das instituições em 2024, a Ufba considera que estas iniciativas marcam um passo significativo para a sobrevivência e recuperação das Ifes”, finaliza a nota da instituição.

Novos Campi

Os novos campi de universidades serão construídos nas cidades de São Gabriel da Cachoeira (AM); Rurópolis (PA); Cidade Ocidental (GO); Baturité (CE); Estância (SE); Jequié (BA); Sertânia (PE); Ipatinga (MG); São José do Rio Preto (SP); e Caxias do Sul (RS).

O governo informou que as localidades foram escolhidas com o objetivo de ampliar a oferta de vagas da educação superior em regiões com baixa cobertura de matrículas na rede pública.

Cada obra custará R$ 60 milhões, incluindo construção e compra de equipamentos. A ampliação vai resultar em 28 mil novas vagas para estudantes de graduação. Os campi oferecerão seis cursos, cada, para 2,8 mil estudantes. Para isso, serão contratados 388 servidores por unidade.

Na cidade de Jequié, o novo campi será da Universidade Federal da Bahia (Ufba), com oferta de cursos e local de instalação ainda não definidos.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Últimas