A juíza da Vara Crime de Guanambi, M.M. Adriana Silveira Bastos, decretou nesta terça-feira, 25, a prisão preventiva de Ailton Alves Carvalho, residente na cidade de Lagoa Real, que na noite do dia 02 de abril se envolveu em um acidente na BR 030, próximo ao trevo de acesso ao Distrito de Morrinhos, matando duas pessoas e deixando outras feridas.

Ailton que conduzia uma caminhonete Hilux foi preso e autuado em flagrante logo após o acidente, depois de exames que teriam comprovado o uso de bebidas alcoólicas. Na colisão que envolveu três veículos, morreu na hora a professora Ângela Maria e no Hospital Regional, Bianca Fernandes, ambas estavam em um veículo Fiat Uno que seguia para o Distrito.

Reprodução

Ficaram feridos Odair José Neves e Eliane Neves Cotrim que estavam no mesmo veículo. O motorista do terceiro veículo nada sofreu.

Farol da Cidade

Anúncio

Deixe uma resposta