Reprodução / Ibahia
Anúncio

O São João é uma das festas mais queridas de baianos e turistas que visitam as mais diversas partes do estado. No total, 163 cidades baianas comemoram as festas juninas com apoio e participação direta do Governo do Estado na contratação de atrações, por meio da Superintendência de Fomento ao Turismo (Bahiatursa).

“Esse ano, o Governo do Estado dá apoio a mais de 160 municípios, mais que o dobro do ano passado, com diversos artistas. O apoio abrange diversas ações para o todo o período de São João, Santo Antônio e São Pedro, incrementando essas festas, ajudando na formação da grande de apresentações e na estrutura”, explicou o superintendente da Bahiatursa, Diogo Medrado.

Em Salvador, a festa começou no dia 14, com o campeonato de quadrilhas, e segue até o dia 24, no Centro Histórico e em Paripe. Nomes como Trio Nordestino, Geraldo Azevedo, Cicinho de Assis, Targino Gondim, Del Feliz, Elba Ramalho, Fulô de Mandacaru, Lucy Alves, Zé de Tonha, Jó Miranda, Forrozão, Felipe Araújo, Marilia Mendonça e Devinho Novaes se apresentam entre esta sexta-feira (22) e domingo (24).

A programação contempla o Terreiro de Jesus, Largo do Pelourinho, Tereza Batista, Quincas Berros D´Água, Pedro Arcanjo e Cruzeiro de São Francisco, no Centro Histórico, e a Praça João Martins, em Paripe.

Nesta sexta (22), o forrozeiro Zelito Miranda abre a festa na Praça Tereza Batista. Para o cantor, é importante que a tradição do forró de raiz seja mantida na capital, onde os ritmos mais modernos ganham força. “O São João tradicional sai vitorioso com esse espaço no Pelourinho, porque é um momento de celebrar a essência de nossa cultura nordestina. Esse apoio é fundamental para que possamos preservar nossas tradições e história”, afirma Zelito. Confira a programação completa.

Este será o quinto São João consecutivo que a turista Selma Coelho, de Minas Gerais, passa em Salvador. “É a melhor festa do mundo. Tudo me encanta. Eu adoro a música, a comida, a dança. No passado, eu curti muito a programação, tanto no Pelourinho quanto em Paripe. Esse ano, eu tenho certeza que não será diferente. Eu amo Geraldo Azevedo e Elba Ramalho. Estarei lá curtindo e dançando muito”.

Além do turismo, o período junino movimenta o comércio na capital baiana. Para o comerciante Milton Cavalcanti, o período é um dos mais importantes para quem quer atrair clientes. “É um dos momentos mais aguardados para quem tem bar e lojas aqui no Pelourinho. O movimento cresce muito com a chegada dos turistas”.

Programação

A tradição dos 60 anos do Trio Nordestino abre a programação no Terreiro de Jesus, no sábado (23). A 5ª geração da atração, que nasceu em 1958, se apresenta a partir das 17h. Na sequência, será a vez do mago do forró, Val Macambira, apresentar um repertório recheado de ritmos nordestinos. Grande atração da noite, Geraldo Azevedo apresenta canções como ‘Dia Branco’ e ‘Moça Bonita’. A noite segue com Cicinho de Assis e Genard.

O segundo dia, 24, será aberto por outro ícone do forró: Targino Gondim, com o show ‘Sem Limites’. Del Feliz se apresenta na sequência, com canções em italiano, espanhol e inglês ao toque da sanfona. Depois de ter gravado um CD com diversos outros nomes do forró, Elba Ramalho reforça o time deste dia. A grade terá ainda dois grandes nomes: Fulô de Mandacaru e Lucy Alves. No Largo do Pelourinho, o sábado (23) terá Flor de Maracujá, André Macedo, Poizé, Zé de Tonha e Mariana Fagundes. No domingo (23), Kiko Salli, Cangaia, Jorge Zarath, A Patroa e Jó Miranda se apresentam.

Em Paripe, a Praça João Martins terá uma programação especial. No sábado (23), nomes como Forrozão, Larissa Marques, Felipe Araújo, Swing do Lu e Grupo Kantares se apresentam no local. Já o domingo (24) terá shows de Dinho Santos, Mariana Fagundes, Marilia Mendonça, Devinho Novaes e Johny Paixão. As apresentações no Subúrbio Ferroviário estão marcadas para começar também a partir das 17h.

Tácio Santos / Secom Bahia

Anúncio

Deixe uma resposta