maconha-chile

O Chile começou nesta terça-feira (07) a primeira colheita de maconha para fins medicinais,  em um programa que visa aliviar a dor de pessoas que lutam contra o câncer. Foram 400 pés com quase dois metros de altura e plantados em vasos plásticos. As plantas foram cultivadas em um local fortemente protegido no município de La Florida, ao sul de Santiago em parceria com a Fundação Daya. A cerimônia ocorreu em meio à grande expectativa jornalística, em um país onde a compra de maconha não é permitida e a cannabis é considerada uma droga pesada, embora o consumo privado seja permitido.

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui