Anúncio

Vitória da Conquista viveu mais um final de semana violento. Na sexta-feira (29), o motociclista Alberto do Santos Batista de 18 anos, foi encontrado morto na “Estrada da Choça”, município de Vitória da Conquista. O corpo foi encontrado por populares que passavam pelo local. Ele estava caído na pista junto a uma motocicleta que havia tomado emprestado de um morador da região. Durante a realização da perícia, foi constatado que Alberto foi morto com dois tiros a queima roupa nas costas. O fato leva a crer que ele tenha sido baleado pelo garupa. A Polícia Civil investiga o crime.

No sábado (31), um brutal homicídio, em plena luz do dia, deixou perplexos moradores do Recreio e transeuntes. O corretor Rodolfo Alves, 36 anos, tomava uma cerveja na porta de um bar na Av. Crescêncio Lacerda, bairro Recreio, quando dois homens em uma motocicleta disparam 04 tiros, todos na cabeça de Rodolfo, que morreu na hora. Ainda é desconhecido a motivação do crime.

Também na noite do sábado (31), um adolescente de 14 anos foi vítima de uma emboscada, no condomínio Acácia, bairro Miro Cairo. Testemunhas disseram que a vítima estava em via pública quando homens armados se aproximaram e efetuaram vários disparos. O adolescente correu, entrou em residências e pulou muros para escapar da morte. O jovem foi de táxi para um hospital público, mas não corre risco de morte. Os disparos atingiram a mão e a perna da vítima.

Ainda no sábado,  o jovem Danilo Santos de Jesus, morreu em confronto com a Rondesp, no alto do bairro Nossa Senhora Aparecida. A Rondesp realizava patrulhamento tático no bairro e surpreendeu traficantes armados na Rua São Sebastião. Segundo os policiais,  Danilo teria ficado encurralado e  por isso atirado três vezes contra a guarnição, que revidou, acertando-o com vários tiros.  Os outros homens fugiram por um terreno baldio. O Samu 192 foi acionado e constatou a morte. Além do revólver municiado, o traficante portava várias petecas de maconha e dinheiro. Familiares de Danilo iniciaram um tumulto na localidade e a polícia revidou com tiros de borracha e bombas de efeito moral.

Na noite do domingo (31), no Loteamento Jardim Sudoeste traficantes  um menor e um idoso morreram e outro jovem ficou gravemente ferido. O menor de iniciais B.M, 16 anos e seu irmão Mateus Machado de 18, eram os alvos dos disparos, mas as balas atingiram B.M  e o senhor Gildásio Gobira Santos de 69, que passava no local. Mateus Machado, 18, irmão do menor morto, foi encaminhado ao Hospital de Base em estado grave.  Segundo relatos, homens armados atiraram nos dois menores. O senhor Gildásio  chegou a ser socorrido pelo Samu 192, mas morreu a caminho do hospital. De acordo com informações fornecidas pela polícia, os irmãos seriam integrantes de uma quadrilha envolvida com tráfico de drogas e homicídios. A facção rival teria sido a autora do crime.

Com isso passa de 20 o número de homicídios, apenas no primeiro mês do ano. Vitória da Conquista é agora conhecida mundialmente como a 36a cidade mais violenta do mundo. A ONG mexicana Seguridad, Justicia Y Paz divulgou o ranking das 50 cidades mais violentas do planeta em 2015. Na lista, que só contabiliza municípios com pelo menos 100.000 habitantes, 21 são brasileiros, com destaque para várias cidades e capitais do Nordeste, como Salvador, Conquista e Feira de Santana,  consideradas pelo alto índice de homicídios no País. No ano passado Conquista teve 132 homicídios, para uma população de 343.230 habitantes a taxa ficou em 38,46, à frente de cidades da Colômbia, México e até africanas.

Apesar do banho de sangue, o governador da Bahia, Rui Costa e o prefeito da cidade,  Guilherme Menezes, seguem calados. Enquanto isso a cidade respira o clima de medo e enterra os mortos.

Redação Núcleo de Notícias com informações do Disep, Blitz Conquista e Blog do Rodrigo Ferraz.
Fotos: Blitz Conquista
Anúncio

Deixe uma resposta