30.3 C
Guanambi
26.1 C
Vitória da Conquista

Bahia vai ao STJD contra Vitória, FBF e CBF no caso Victor Ramos

- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -

Tiago Marques | Redação 96FM

O Esporte Clube Bahia se manifestou sobre a possível escalação de Victor Ramos pelo Vitória na partida contra o Flamengo de Guanambi. Depois do subprocurador do TJD-BA, Hélio Menezes Júnior opinar pelo arquivamento da denuncia feita pelo Beija-Flor do Sertão. Em nota oficial, o Bahia informou que entrou com um mandado de garantia no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para impugnar o teor do ofício usado pelo subprocurador para fundamentar seu parecer pelo arquivado do processo.

Montagem Futebol Baiano
Montagem Futebol Bahiano

O ofício em questão é datado de 28 de Março e assinado por Reynaldo Buzzoni, diretor de transferências da CBF. Divulgado na última sexta-feira (01) e entregue ao TJD horas antes do fim do prazo para apresentação dos documentos. No documento Buzzoni afirma que a transferência de Victor Ramos para o Vitória foi uma transação nacional, uma vez que o atleta estava emprestado ao Palmeiras até o fim do ano passado e, que o Monterrey não solicitou a documentação do atleta de volta. Antes da divulgação do ofício, na segunda-feira (28), a FBF tinha divulgado um e-mail do mesmo remetente, com a mesma informação. No entando o Bahia acredita que o documento deva ser impugnado por estar incorreto.

O time do interior acusa o time da capital de escalar o jogador em questão de forma irregular. Victor Ramos que pertence ao Monterrey do México, foi registrado no BID da CBF dia 18 de Março, dois dias depois do prazo para inscrição de jogadores. Depois de ver a sua denuncia arquivada pelo subprocurador, o clube pediu o reexame e aguarda agora o parecer do Dr. Ruy João Ribeiro Gonçalves Júnior.

Confira a nota completa publicada pelo Bahia em seu site oficial nesta terça-feira (05):

Em nota oficial publicada há uma semana, dia do aniversário de Salvador e da conquista da Primeira Estrela, o Esporte Clube Bahia exaltou a busca pela legalidade e pela transparência.

Baseado nestes princípios, informa que ingressou na noite desta segunda-feira (4) com um mandado de garantia no Superior Tribunal de Justiça Desportiva impugnando o teor do ofício DRT 375/16, assinado pelo diretor de registro da CBF, Sr. Reynaldo Buzzoni, o qual atestou de modo surpreendentemente equivocado que a transferência do atleta Victor Ramos para o Esporte Clube Vitória teria sido nacional.

Deste modo, o Esporte Clube Bahia, como participante da competição que dela espera a obediência irrestrita à todas as regras legais, sem jamais relegar a ética desportiva, entende ser indispensável a correção da informação prestada pelo diretor da CBF, uma vez que contraria o BID, além de vulnerar expressamente os regulamentos da CBF e da FIFA, aplicáveis ao caso. O resultado dessa correção será apenas efeito colateral da possível ofensa às normas encartadas no CBJD pelo Sr. Reynaldo Buzzoni, Diretor de Registro e Transferência da CBF.

O Esporte Clube Bahia preza pelo futebol jogado em campo, todavia sem deixar de mirar o respeito às regras e regulamentos e, por isso, sempre se portará como protagonista na luta pelo respeito destemido a todo complexo de normas, éticas e jurídicas, que envolvem o desporto.

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -