Foto: SDE

O Grupo Petrópolis inaugurou uma nova linha de produção de refrigerantes It, no município de Alagoinhas, no nordeste da Bahia, nesta quarta-feira (26).

O vice-governador e titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), João Leão, participou do evento, acompanhado do chefe de gabinete da SDE, Luiz Gugé e do superintendente de Atração de Investimentos e Fomento ao Desenvolvimento Econômico da secretaria, Paulo Guimarães.

No últimos seis anos, o Grupo Petrópolis investiu mais de R$ 1,2 bilhão na Bahia, gerando 470 empregos diretos e 2,6 mil indiretos na unidade de produção de Alagoinhas.

São mais 4 mil empregos diretos e 16 mil indiretos a partir das unidades de distribuição no território baiano.

Foto: SDE

O potencial de desenvolvimento industrial da Bahia foi destacado por Leão na inauguração da nova linha de produção da fábrica da Petrópolis.

Se você gosta do conteúdo da Agência Sertão, colabore para o aprimoramento do nosso Jornalismo a partir de R$ 10 por mês e seja um assinante - Saiba como!

 

“O estado da Bahia é o segundo consumidor em bebidas do Brasil. Estamos trabalhando para colocar a Bahia na linha de frente da industrialização do nosso país com variados projetos a exemplo das energias renováveis, Sistema Viário Oeste, Polo Sucroalcooleiro e Enoturismo no nosso estado”, afirmou.

Já o presidente do Grupo Petrópolis, Walter Pires, reforçou o apoio do Governo do Estado e garantiu para os próximos anos mais investimentos em território baiano.

“Estamos finalizando em Uberaba a implantação da próxima fábrica do grupo. Já solicitei da nossa equipe mais estudos para viabilizar novas ampliações na Bahia. Agradeço aos baianos por abraçar nossa empresa. Com o público e o privado caminhado juntos, a Bahia avança”, ressaltou.

Em 2018, o Grupo Petrópolis assinou um protocolo de intenções com o Governo da Bahia para viabilizar a ampliação e modernização da linha produção no ramo das bebidas alcoólicas e não alcoólicas.

Com a inauguração da nova linha de produção de refrigerantes It, a empresa prevê a geração de 150 empregos diretos em Alagoinhas.

Fonte: Ascom/SDE

Responder

Por favor, escreva seu comentário
Digite seu nome aqui