Reprodução

A Prefeitura de Espinosa confirmou a morte de um idoso, de 86 anos, com suspeita de coronavírus nesta sexta-feira (27). Pelas redes sociais, o Prefeito e o médico do Hospital Municipal comunicaram a morte do paciente. O caso ainda não foi notificado pela Secretaria Estadual de Saúde e nem pelo Ministério da Saúde.

“Há três dias, o idoso deu entrada no hospital com um quadro gripal. Ele teve uma melhora e veio a óbito as 5h, com suspeita de infarto agudo miocárdio, mas como o Ministério da Saúde preconizou, nós fizemos a testagem para coronavírus e estamos aguardando o resultado”, explicou o médico, Luciano Santos.

Em entrevista ao G1, o assessor da Secretaria Municipal de Saúde, Paulo Mousart Fernandes, informou que o idoso morava em São Paulo e estava no Norte de Minas há 15 dias.

“Ele veio de uma cidade de São Paulo com o intuito de fugir da doença e estava na casa de parentes. Os sintomas começaram no início da semana e ele faleceu na madrugada desta sexta”, disse o assessor.

Não há outro caso suspeito sendo investigado pelo município. De acordo com o assessor da Secretaria e Saúde, os familiares do idoso não apresentaram sintomas, mas estão sendo acompanhados e foram orientados a permanecem em isolamento domiciliar.

Por: G1 Minas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui