Idosa de 95 anos é curada do coronavírus na Itália - Reprodução

Até esta quinta-feira (2), mais de 203,5 mil pessoas infectadas pelo novo Coronavírus (Covid-19) foram curadas em todo o mundo, segundo os dados das autoridades de saúde dos países com registro da doença causada pelo vírus.

A taxa de cura até o momento é de pouco mais de 21% considerado todos os casos testados e notificados nos 203 países e territórios onde o Covid-19 foi detectado. Ao todo, quase um milhão de pessoas testaram positivo para a doença.

Até o momento, a Organização Mundial da Saúde (OMS) não possui um tratamento cientificamente eficaz contra o coronavírus, alguns tratamentos estão sendo testados ao redor do mundo. No entanto, os métodos de tratamento ainda carecem de resultados mais consistentes e ainda dividem opiniões no meio médico, devido a efeitos colaterais de alguns medicamentos. Também estão sendo testadas vacinas que só devem estar disponíveis para a população em 2021.

Segundo as estatísticas, a maior parte dos curados é de pessoas mais jovens e sem domorbidades como hipertensão, diabetes, problemas respiratórios e outros agravantes.

Óbitos

A infecção já afeta 203 países e territórios em todos os continentes do planeta. A taxa de mortalidade pelo vírus chega a 5%, no entanto, este percentual não é preciso devido à metodologia de testagem adotada por cada país. Na Itália por exemplo, a taxa é de quase 12%, e nos Estados Unidos é de 2,3%. Enquanto o Estados Unidos testa a população em massa, a Itália realiza testes apenas nas pessoas com sintomas mais agudos da doença.

Os Estados Unidos é o país com mais casos confirmados. Nas últimas semanas, a testagem da população foi intensificada, elevando o número de pessoas diagnosticadas da doença. Já são mais de 226 mil casos confirmados e 5.334 mortes confirmadas até a publicação desta reportagem.

Foi nos Estados Unidos o recorde de mortes pelo covid-19 em um só dia. Somente nesta quarta-feira (1º), as autoridades de saúde do país confirmaram 1.041 óbitos. O recorde anterior era da Itália, quando no dia 27 de março foram registradas 919 mortes.

É justamente na Itália onde aconteceram a maior parte das mortes até agora. O país acumula 13.915 óbitos. A Espanha aparece em segundo lugar. O país superou o total de 10 mil mortes nesta quinta-feira e assim como a Itália, possui cerca de 110 mil infectados pela doença.

A França superou o número de mortos da China, até agora são 4.032 óbitos e mais de 56 mil pessoas infectadas. No país asiático, onde o coronavírus surgiu, 3.318 morreram até agora com a doença e mais de 81 mil pessoas foram infectadas.

Outros países da Europa estão em alerta devido ao aumento do número de óbitos. No reino Unido já são 2.921 mortes, enquanto que nos Países Baixos o número chega a 1.339 e na Bélgica a 1.011. Na Alemanha são 962 mortes e na Suíça 505.

Os dados são do Worldometer, equipe internacional de desenvolvedores, pesquisadores e voluntários com o objetivo de disponibilizar as estatísticas mundiais

O Coronavírus

O coronavírus (COVID-19) é uma doença infecciosa causada por um novo vírus que nunca havia sido identificado em humanos.

O vírus causa uma doença respiratória semelhante à gripe e tem sintomas como tosse, febre e, em casos mais graves, pneumonia. É possível se proteger ao lavar as mãos com frequência e evitar tocar no rosto.

A principal forma de contágio do novo coronavírus é o contato com uma pessoa infectada, que transmite o vírus por meio de tosse, espirros, gotículas de saliva ou coriza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui