Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sancionou, com vetos, o Projeto de Lei Complementar (PLP) 39/2020 que prevê ajuda financeira de R$60 bilhões para estados e municípios devido a crise causada pela pandemia do novo coronavírus.

A publicação oficial foi feita no Diário Oficial da União (DOU) na madrugada desta quinta-feira (28). Pelo texto, a União deve destinar o montante em quatro parcelas mensais, sendo R$ 10 bilhões exclusivamente para ações de saúde e assistência social  e R$ 50 bilhões para uso. A Bahia receberá  R$346 mil para saúde e R$1,1 milhão para livre aplicação.

Segundo o Bnews, o presidente vetou a proposta que abria exceções em relação ao congelamento dos salários. Com isso, a remuneração dos servidores não terá reajuste até dezembro de 2021. Além disso, foi vetado o trecho que permitia a Estados e municípios suspenderem o pagamento das dívidas com bancos e organismos internacionais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui