Imagem Ilustrativa / Reprodução

Uma portaria publicada na edição da última terça-feira (1º) do Diário Oficial do Município estabeleceu a volta às aulas presenciais da rede municipal de ensino em Brumado para o próximo dia 21.

Segundo a publicação, o retorno às aulas será facultativo aos estudantes nos 30 primeiros dias. Neste período, os pais  poderão decidir se irão permitir que os filhos compareçam às aulas ou se continuarão estudando apenas por atividades remotas.

A portaria estabelece uma série de medidas a serem adotadas pela secretaria de Educação, diretores de escolas, professores, estudantes e pais. À pasta cabe orientar as equipes escolares quanto às diretrizes e normas necessárias ao planejamento e realização do ensino presencial e não presencial e acompanha a realização das atividades escolares.

A secretaria irá garantir a distribuição de materiais de higiene e desinfecção para estudantes, professores e demais funcionários, além de fornecer os equipamentos de proteção individual para toda a comunidade escolar.

Já aos gestores escolares ficou estabelecida uma série de competências, como a realização do rearranjo dos calendários letivos e todo o planejamento para o retorno e andamento das aulas. Aos professores fica a atribuição de desenvolver as atividades como videoaulas, áudio-aulas, roteiros de estudos, atividades impressas, entre outras atribuições.

Por fim, aos estudantes ficam as obrigações de organizar a rotina de estudos e respeitar os protocolos sanitários de biossegurança. Aos pais fica a responsabilidade de garantir que os filhos cumpram a quarentena de 4 dias caso apresentem sintomas gripais ou se algum familiar testar positivo para a Covid-19, bem como avisar a direção da escola caso ocorra algumas das duas hipóteses.

Ainda segundo a portaria, para cumprimento da carga horária mínima de 800 horas, prevista na Lei de Diretrizes e Bases da Educação, o calendário escolar deverá ser atualizado, considerando as aulas realizadas antes da pandemia, atividades pedagógicas não presencias durante a suspensão das aulas e as aulas presenciais e não presenciais futuras.

Nesta quarta-feira, uma nova portaria foi publicada, desta vez, regulamentando as aulas complementares de caráter não presencial. A regulamentação estabelece o início das aulas retroativo à 1º de setembro, com foco nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática.

Covid-19 em Brumado

Mais um óbito de paciente com Covid-19 foi confirmado em Brumado nesta quarta-feira (2). Este foi o 11º registro de morte por conta das complicações da doença no município.

A vítima foi um idoso de 88 anos. Ele morreu na última terça-feira (1º). A secretaria municipal de Saúde não informou mais detalhes sobre o paciente, como local de falecimento e tempo de internação.

O município registrou mais nove casos de pessoas infectadas com o coronavírus nas últimas 24 horas. Ao todo, Brumado registra 896 casos da Covid-19. Entre os diagnósticos, 835 pacientes são considerados recuperados e 50 estão em tratamento, sendo que seis encontram-se hospitalizados. Segundo o boletim, 94 pacientes com suspeita da doença ainda aguardam resultado do exame laboratorial.

Agosto foi até o momento o pior mês da pandemia em Brumado. Foram registrados  378 novos casos da Covid-19, média de 12,1 casos por dia. Além disso, cinco pacientes que contraíram a doença evoluíram a óbito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui