23.1 C
Guanambi
16.4 C
Vitória da Conquista

Patrulha Solidária aquece inverno de moradores de rua em Vitória da Conquista

- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -




Com a temperatura alcançando os 13º graus no município de Vitória da Conquista, equipes da Patrulha Solidária do Comando de Policiamento Regional (CPR) Sudoeste não pouparam esforços e levaram conforto para moradores de rua, catadores e famílias carentes, ao longo da quinta-feira (1). Cobertores, alimentos e roupas foram entregues em nova edição do Banho Solidário.

Pela manhã, a primeira parada foi no Vilarejo Santos Dias, onde crianças de 50 famílias receberam das mãos dos PMs e de parceiros do Centro Logístico de Vitória da Conquista e do Hospital São Vicente de Paulo (HSVP), cobertores, roupas, sapatos e kits lanche que ajudaram a matar a fome dos moradores.

Reprodução | SSP-BA

A coordenadora da unidade, tenente Maria Alice de Santana, contou que o material foi previamente higienizado, incluindo as roupas, que passaram pelo apoio da lavanderia Unilav. “Nós procuramos sempre entregar as roupas limpas, principalmente agora no período de pandemia do novo Coronavírus”, contou.

Já por volta das 19h, com a sensação térmica ainda mais baixa, os policiais passaram por ruas do centro da cidade, nos bairros Brasil e Patagônia, além da Avenida Presidente Dutra, locais onde há grande presença de pessoas em situação de rua e catadores que solicitam apoio e receberam banho quente no carro itinerante.

Houve entrega de cobertores, arrecadados durante o São João Solidário, em parceria com a TV sudoeste, de quentinhas – compostas de canjica, hambúrguer, café com leite, bolo – além roupas, produzidas e angariadas através da ajuda de empresários e grupos de ações sociais.




“Nós nos deparamos com histórias comoventes como, por exemplo, a de um rapaz que dormiu durante três dias na rua com a esposa grávida e uma bebê, pois não conseguiu comprar uma passagem para São Paulo a tempo. Fizemos questão de ajudá-lo com comida e cobertores para que eles pudessem se aquecer enquanto aguardavam para viajar”, contou.

A oficial não deixou de agradecer à empresa Tia Sônia, ao grupo Ação Social Conquista, ao HSPV, Centro Logístico de Vitória da Conquista e ao empresário Claudio Lacerda por todo suporte nas ações.

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -