25.9 C
Guanambi
18.9 C
Vitória da Conquista

Mais de 60 pessoas são resgatadas em situação de trabalho análogo à escravo em Minas Gerais

- Advertisement -

Últimas Notícias

- Advertisement -

Mais de 60 trabalhadores rurais foram resgatados durante uma operação de combate ao trabalho escravo em lavouras cafeeiras do Sul de Minas. A operação, realizada pela Polícia Rodoviária Federal, auditores fiscais do trabalho e o Ministério Público do Trabalho, aconteceu em uma fazenda de Boa Esperança (MG) e duas de Ilicínea (MG) entre os dias 13 e 20 de julho, após denúncias anônimas.

Segundo a Auditoria Fiscal do Trabalho, foram resgatadas 63 pessoas. Na primeira fiscalização, em uma fazenda de Boa Esperança, foram resgatados 30 trabalhadores. No município de Ilicínea foram fiscalizadas duas fazendas, sendo que na primeira foram resgatados nove trabalhadores e, na segunda, 24 trabalhadores.

Ainda de acordo com a AFT, as vítimas foram aliciadas no Estado da Bahia e tiveram de pagar com seus próprios recursos as passagens de ônibus e despesas com alimentação na viagem. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a força-tarefa encontrou os trabalhadores rurais em situações de trabalho análogas à de escravos, com jornadas exaustivas e com condições degradantes.

Segundo o G1, ao chegarem nas fazendas, os trabalhadores foram alojados em locais inadequados e sem garantias sanitárias. Nas frentes de trabalho não eram fornecidos equipamentos de proteção individual; não havia local adequado para as refeições, fazendo com que os trabalhadores almoçassem sentados pelo chão; e também não havia instalações sanitárias, obrigando os trabalhadores a fazerem suas necessidades físicas no mato.

- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -