22.9 C
Guanambi
17 C
Vitória da Conquista

Vacinação da população de 34 anos será nesta quarta-feira em Vitória da Conquista

- Advertisement -

Últimas Notícias

Tiago Marqueshttps://agenciasertao.com/
Tiago Marques é redator e editor do site Agência Sertão. Trabalha com produção de conteúdo noticioso para rádio e internet desde 2015.
- Advertisement -




Nesta quarta-feira (11), as pessoas que tiverem 34 anos ou mais poderão se vacinar, das 9h às 16h, nos seguintes pontos: drive-thru da Ufba, pontos fixos para pedestres da Paróquia Rainha da Paz (Patagônia), Escola Municipal Mozart Tanajura (Vila América), quadra esportiva da Fainor (Candeias), 9º Batalhão de Polícia Militar (Ibirapuera) e Ginásio da Nova Sião (Alto Maron).

Não haverá vacinação no ponto fixo do Salão Paroquial da Santa Luzia, no bairro Urbis V, apenas nesta quarta (11), devido a uma atividade interna da Paróquia que vai utilizar o espaço. Com isso, o Ginásio da Nova Sião deixará de fazer o atendimento da 2ª dose para atender a 1ª dose.

Para se vacinar, basta levar o documento pessoal com CPF e comprovante de residência de Vitória da Conquista.

Segunda dose

Será disponibilizada a 2ª dose da vacina AstraZeneca/Fiocruz nesta quarta (11), para quem está com data de retorno agendada para o dia 12 de agosto ou datas anteriores. A vacinação será das 8h às 12h e das 14h às 16h, apenas nas unidades: UBS Panorama, UBS Hugo de Castro (bairro Guarani), USF Vila Serrana, USF Jardim Valéria, USF Conveima, USF Nova Cidade e USF Miro Cairo.

É necessário apresentar o cartão de vacina e documento pessoal com CPF.

Vacinação nesta terça-feira

Nesta terça-feira (10), o público de 35 anos ou mais está recebendo a 1ª dose da vacina contra a Covid-19 em todos os pontos fixos de vacinação do município. Amanhã (11), será a vez das pessoas que têm 34 anos ou mais serem vacinadas.

Viviane Santos, 38 anos, aguardava ansiosa na fila desde cedo e defendeu a necessidade da vacina como um benefício coletivo. “É o que a gente precisa para continuar e tentar recuperar tantos laços e abraços, a nossa economia. Nós dependemos dessa vacina e eu espero que todos tenham essa consciência e não abram mão se de vacinar”, contou Viviane.

Quem também recebeu a sua 1ª dose foi Renata Souza, 35 anos, que se lembrou daqueles que foram vítimas da Covid-19 antes de serem vacinados: “Muitos não tiveram a oportunidade que estou tendo agora. Então, é só agradecer a Deus, à ciência e ao SUS”.

Informações da Secom PMVC




- Advertisement -
- Advertisement -

Relacionadas

Deixe uma resposta

- Advertisement -

Mais Lidas

- Advertisement -